Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Sexta, 05 de Novembro de 2021 - 11:40

Casos de dengue caem 71% na BA de janeiro a outubro; Barreiras tem maior incidência

por Jade Coelho

Casos de dengue caem 71% na BA de janeiro a outubro; Barreiras tem maior incidência
Foto: Reprodução/Pixabay

Os casos de Dengue na Bahia caíram 71,47% na Bahia entre janeiro e outubro deste ano em comparação com o ano passado. De acordo com a Secretaria da Saúde do estado (Sesab), entre 3 de janeiro e 23 de outubro foram notificados 23.207 casos prováveis da doença transmitida pelo mosquito Aedes aegypti. No mesmo período de 2020, foram 81.331 notificações. São classificados como casos prováveis as notificações clinicamente compatíveis, excluindo os casos descartados.  

 

A incidência da doença no estado está em 154,9 casos por 100 mil habitantes.

 

Conforme a Sesab, neste ano, 299 municípios realizaram notificação para dengue. Destes, 79 apresentaram incidência maior que 100 casos/100 mil habitantes e 46 municípios apresentaram maior que 300 casos/100 mil habitantes.

 

Uma cidade apresentou situação epidêmica para dengue, quando analisadas as últimas quatro Semanas Epidemiológicas (SE). Barreiras, no Oeste do estado, tem o maior coeficiente de indicência do estado em relação à doença com 3861,0 casos/100 mil habitantes. A cidade soma 6.117 notificações para o agravo.

 

No Sistema de Notificação de Agravos e Notificações (Sinan), constam seis óbitos por dengue, contudo até o momento, foram confirmados pela câmara técnica estadual quatro, ocorridos nos municípios de Luís Eduardo Magalhães (1), Uruçuca (1), Conceição do Coité (1) e Riacho de Santana (1). Os  outros dois casos estão em fase de conclusão das investigações, para a correta classificação.

Histórico de Conteúdo