Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bahia tem 8 hospitais selecionados em projeto do MS para reduzir infecção hospitalar em UTI
Foto: Camila Souza/GOVBA

A Bahia teve oito hospitais públicos selecionados pelo Ministério da Saúde para o “Projeto Saúde em Nossas Mãos”, que tem o objetivo de reduzir em pelo menos 30% as infecções hospitalares nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) de unidades do Sistema Único de Saúde (SUS). Em todo o país foram selecionados 204 hospitais.

 

O programa prevê que durante os próximos 24 meses, os hospitais selecionados aprendam a se organizar em rede, trabalhar de forma integrada, ouvir, inovar e trocar experiências com seus pares. Serão compostas equipes multidisciplinares nas diferentes áreas de interesse em torno da UTI, e haverá a definição de líderes de projeto em cada hospital.

 

As unidades receberão suporte técnico, educativo e metodológico para aprimorar as práticas de segurança pelos hospitais do Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (Proadi-SUS), informou o Ministério da Saúde.

 

Na Bahia as unidades participantes estão localizadas em seis municípios. Os hospitais selecionados são: Hospital do Oeste, em Barreiras; o Clériston Andrade, em Feira de Santana; Hospital Estadual da Criança, em Feira de Santana; Calixto Midlej Filho, em Itabuna; Hospital Manoel Novaes, em Itabuna; Hospital Metropolitano, em Lauro de Freitas; Martagão Gesteira, em Salvador; e o Hospital Municipal Esaú Matos, em Vitória da Conquista.

Histórico de Conteúdo