Brasil tem no SUS média 1,3 aparelho mamógrafo por 100 mil habitantes
Foto: Reprodução/Pixabay

No Sistema Único de Saúde (SUS) a oferta média nacional de mamógrafos é de 1,3 aparelho por 100 mil habitantes. O dado foi revelado pelo Estudo do Colégio Brasileiro de Radiologia e Diagnóstico por Imagem (CBR).

 

Reportagem da Agência Brasil com base dos dados destaca que os mamógrafos disponíveis para atendimento na rede nacional do SUS somam 2.102. “Me preocupa a baixa oferta mas também a desigualdade regional”, disse à reportagem o médico radiologista Hilton Leão Filho, diretor de Comunicação do CBR.

 

“Mesmo que tenha esse número baixo, ele fica mais complicado quando a gente olha a distribuição”, disse o especialista. Do total de 2.102 aparelhos disponíveis, cerca de 40%, ou 847, estão no Sudeste, e desses, um pouco menos da metade, 402, está em São Paulo. A pior cobertura é encontrada na Região Norte, com 145 aparelhos. O estudo revela que no estado do Amapá existem apenas dois mamógrafos no SUS.

Histórico de Conteúdo