Coronavírus: Bahia aumenta alerta das equipes de vigilância epidemiológica e sanitária
Foto: Reprodução/Google Maps

Em meio mais de 400 casos de coronavírus registrados no mundo e um caso descartado em Minas Gerais (leia aqui e aqui), a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) aumentou o nível de alerta das equipes de vigilância epidemiológica e sanitária. A medida segue uma orientação do Ministério da Saúde e inclui a revisão dos fluxos de investigação de casos suspeitos, e estabelecimento de um hospital de referência para encaminhamento e investigação de contatos com outras pessoas. Não há até o momento nenhum caso suspeito na Bahia.

 

Em nota ao Bahia Notícias a Sesab informou que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e o Ministério da Saúde estão trabalhando em conjunto com as Secretarias Estaduais de Saúde. As entidades estão revisando a capacidade instalada de testes diagnósticos para investigação e descarte de agentes etiológicos respiratórios conhecidos.

 

A secretaria ainda recomendou cautela para evitar medidas restritivas e desproporcionais em relação aos riscos para a saúde e trânsito de pessoas, bens e mercadorias.

 

Por fim a pasta informou que segue aguardando novas orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas).

Histórico de Conteúdo