Mais de 120 mil beneficiários do Bolsa Família de SSA precisam regularizar situação na SMS
Foto: Divulgação

Mais de 127 mil beneficiários Bolsa Família de Salvador devem procurar um dos 140 postos da rede básica da capital baiana até o dia 30 de dezembro, para realizarem o acompanhamento obrigatório da saúde. Se essas pessoas não regularizarem a situação poderão perder o benefício.

 

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a legislação prevê que o não cumprimento das condicionalidades pode gerar desde advertências até o bloqueio ou a suspensão do recebimento do benefício.

 

A SMS também destaca que pouco mais de 44% dos 229 mil beneficiários que residem no município compareceram às unidades de saúde até o momento.

 

As famílias que possuem entre seus dependentes crianças menores de sete anos, mulheres em idade fértil (14 e 44 anos) e gestantes de qualquer idade, devem comparecer a um dos 140 postos da rede básica, de segunda a sexta-feira, sempre das 8h às 17h. Os beneficiários devem levar o cartão do Bolsa Família onde consta o Número de Identificação Social (NIS), a caderneta de vacinação das crianças e a caderneta do pré-natal das gestantes.

Histórico de Conteúdo