Estudo mostra aumento nas mortes por insuficiência cardíaca em adultos mais jovens
Foto: Reprodução / Getty Images

Um estudo da Northwestern Medicine indicou que o índice de mortalidade relacionada à insuficiência cardíaca estão apresentando crescimento, e o aumento é mais proeminente entre os adultos com menos de 65 anos, considerados como morte prematura.

 

Os cientistas utilizaram informações da ampla gama de dados online dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças para Pesquisa Epidemiológica, que incluem a causa de morte subjacente e contribuinte de todas as certidões de óbito de 47.728 milhões de indivíduos nos Estados Unidos de 1999 a 2017.

 

Segundo a Agência Brasil, os pesquisadores ainda analisaram a taxa de mortalidade ajustada por idade para adultos negros e brancos entre 35 e 84 anos que morreram de insuficiência cardíaca.

 

O estudo apontou, pela primeira vez, que as taxas de mortalidade por insuficiência cardíaca tem apresentado aumento desde 2012. O aumento das mortes ocorre apesar dos avanços significativos nos tratamentos médicos e cirúrgicos para insuficiência cardíaca na última década.

Histórico de Conteúdo