Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Em manifestação, servidores da saúde aderem à paralisação do funcionalismo público estadual
Foto: Divulgação
O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado da Bahia (Sindsaúde-Ba) anunciou nesta terça-feira (19) que os servidores estaduais da saúde vão aderir à paralisação contra o desmonte dos serviços públicos e pelo reajuste linear. Nesta quarta-feira, às 9h, será realizada uma manifestação na Praça da Piedade com o objetivo de chamar a atenção da população sobre os ataques que os serviços públicos vêm sofrendo nos últimos anos. Convocado pela Federação dos Trabalhadores Públicos do Estado da Bahia (Fetrab), o ato contará com a participação de diversas categorias. "A Fetrab e os sindicatos filiados não aceitam a postura intransigente do governador Rui Costa que sequer chamou as entidades para negociar. Muitos servidores já se encontram com salário base abaixo do mínimo. A situação dos servidores da Saúde é ainda mais dramática, pois a categoria vem acumulando perdas de direitos, através de medidas perversas praticadas pelo governo do estado nos últimos dois anos", diz o comunicado. Durante o protesto, os servidores de saúde oferecerão à população serviços de aferição de pressão arterial, medição de glicemia, entre outros.

Histórico de Conteúdo