Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Chikungunya: Feira de Santana já registrou 1.161 casos suspeitos
Foto: Reprodução
Em boletim divulgado pela prefeitura de Feira de Santana sobre os casos de febre chikungunya, registrou-se o número de 1.161 casos de indivíduos com suspeita de estar com a doença entre março e outubro deste ano. Dentre estes, 371 casos foram confirmados, 56 casos descartados e 734 continuam em investigação. As pessoas notificadas foram ao hospital com os sintomas de febre, dores de cabeça, e foram registrados também alguns casos de edema. A prefeitura também declarou que a faixa etária que mais concentra casos de suspeita é a de 35 a 49 anos, com 353 casos suspeitos. A faixa etária de 20 a 34 anos registrou 297 pessoas, enquanto que na faixa de 50 a 64 anos foram 194. Os números também revelaram que há mais casos entre mulheres, marcando 65,15% dos casos, em detrimento dos homens, que notificou 33,85% dos casos. Até a última segunda-feira (27) foram diagnosticados 371 casos de chikungunya. A prefeitura de Feira de Santana tem tomado medidas para combater e prevenir a doença, como a divulgação de um boletim semanal sobre a doença, o acompanhamento e monitoramento dos casos suspeitos e confirmados, a capacitação de profissionais de saúde, a realização de Ações de Educação em Saúde na Comunidade, recolhimento de pneus para evitar a proliferação do vírus transmissor da doença, entre outras ações.

Histórico de Conteúdo