Viver Bem: Alimentos que contribuem em tratamento ou prevenção do câncer de mama
Foto: Pixabay
“É melhor prevenir do que remediar”, já alerta o ditado popular.  E na prevenção contra o câncer de mama, não é diferente. Para driblar a doença que mais mata mulheres no mundo, é necessário manter uma alimentação balanceada rica em fibras e se livrar dos alimentos industrializados.

Comer de forma saudável favorece as células e melhora a função intestinal. Segundo a nutricionista do Hapvida, Geilma Rocha, a cenoura, brócolis, broto de alfafa, alho e cebola roxa são aliados na prevenção da doença e ajudam a diminuir os sintomas mesmo durante o tratamento. “O alho, por exemplo, é eficaz na inibição do crescimento das células tumorais, especialmente no câncer de mama. A cebola auxilia para que a célula do câncer não se desenvolva”, exemplifica.

Para quem já tem registros da doença na família, um alerta: nada de alimentos enlatados, refrigerante, bebida alcoólica e gordura. Geilma orienta uma refeição com aspectos veganos, que tenham uma quantidade elevada de fibras para melhorar o intestino e eliminar as toxinas ruins.

Quem está acima do peso também deve rever os hábitos alimentares, pois segundo a nutricionista, o excesso de gordura corporal provoca alterações hormonais, favorecendo o estado inflamatório crônico das células, responsável por estimular a proliferação celular e inibir a morte programada da célula, contribuindo assim para o desenvolvimento de um câncer. “É indicado evitar todos aqueles alimentos confeccionados pela indústria, que vem com um tipo de fermentação diferenciado e algum aditivo que favorece a proliferação do câncer”.
 
DIAGNÓSTICO PRECOCE
Quanto mais cedo for diagnosticado, maiores são as chances de cura. O tratamento da doença requer uma série de cuidados e uma aliada importante para que ele seja bem-sucedido é a alimentação. Dados do Instituto Nacional do Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA) estimam 59.700 novos casos da doença em 2019. Em 2017, a doença fez 16.724 vítimas.
 
Confira algumas dicas do que comer durante o tratamento ou para atuar na sua prevenção:
 
Cenoura: fonte de ferro, cobre, vitaminas A, C, K, B8 e potássio;
Brócolis cozido no vapor: ajuda na ativação da apoptose, mecanismo que mata células infectadas e desativa as células cancerígenas;
Broto de alfafa: possui alto nível de vitaminas do complexo B, essenciais para diminuir o cansaço, falta de disposição, mal-estar e falta de apetite;
Azeite de oliva extra virgem: único óleo com pontuação anti-inflamatória;
Alho: rico em alicina, composto benéfico no tratamento do câncer. Eficaz na inibição do crescimento das células tumorais, especialmente no câncer de mama;
Cebola roxa: além de auxiliar os rins na filtragem e das toxinas sangue oferece melhor disposição e oxigenação. Auxilia para que a célula do câncer não se desenvolva.

Histórico de Conteúdo