Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Morre político baiano Luiz Viana Neto, aos 88 anos, em Salvador
Foto: Divulgação / AL-BA

O ex-deputado federal e professor de direito Luiz Viana Neto morreu em Salvador, aos 88 anos, nesta sexta-feira (13). As informações sobre a causa da morte ainda não foram divulgadas. Ao longo da vida, Luiz Viana exerceu diversos cargos políticos, além de atuar como diretor do Banco do Estado da Bahia e senador após a morte de pai em julho de 1990.

 

Além de político, Luiz Viana Neto atuou como professor de Direito, empresário, ex-senador e ex-deputado federal. Ele nasceu  em 7 de novembro de 1933, foi vice-governador entre 1979 a 1983 e senador de 1990 a 1991. Foi deputado federal por quatro mandatos, entre 1967 e 1995. Renunciou ao mandato de deputado federal na legislatura 1987-1991 para assumir e ser efetivado no mandato de Senador, na vaga de seu pai Luiz Viana Filho, em 11 de junho de 1990. 

 

O presidente da Assembleia Legislativa da Bahia (AL-BA), deputado Adolfo Menezes, lamentou o falecimento. “Meu grande pesar pelo passamento do ex-senador e deputado federal Luiz Viana Neto, Doutor em Direito pela Universidade de Paris, apesar de filho do ex-governador baiano Luiz Viana Filho, que teve papel ativo no golpe militar de 1964, era um liberal, um democrata, que rompe com as forças conservadoras para apoiar a candidatura de Waldir Pires ao governo do Estado, em 1986. Pessoas como ele foram fundamentais para a instauração e consolidação da nossa democracia, agora ameaçada por alguns insanos”, disse. 
 

Histórico de Conteúdo