Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Pesquisa CNT/MDA: Bolsonaro tem menor rejeição de voto desde julho de 2021
Foto: Reprodução / Flickr Palácio do Planalto

Disputando a reeleição, o presidente Jair Bolsonaro (PL) atingiu o menor índice de rejeição, segundo levantamento feito pela Confederação Nacional do Transporte (CNT). A pesquisa divulgada nesta terça-feira (10) aponta que 53,9% dos entrevistados não votariam de jeito nenhum em Bolsonaro. No indicativo de votos, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) obteve 40,6% dos votos, seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), que obteve 32% na consulta estimulada (reveja aqui). 

 

Anteriormente, o levantamento apontou em fevereiro de 2022 que Bolsonaro tinha 55,4% de rejeição nas urnas. Em dezembro de 2021, o índice atingiu 59,2% de pessoas que não votariam de jeito nenhum no atual presidente. Já em julho de 2021, o mais alto nível de rejeição registrado foi de 61,8%. Além disso, Bolsonaro alcançou o maior percentual de pessoas que votariam nele com certeza: 28,2% em maio deste ano. 

 

Desde julho de 2021 o índice vem em uma crescente: 22,8%. Já em dezembro de 2021 o percentual chegou a 22,3% e em fevereiro de 2022 alcançou 25,6%

Histórico de Conteúdo