Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Com direito a palanque, Neto e Leão marcam presença em entrega da prefeitura de Salvador
Foto: Reprodução / YouTube / Bruno Reis

Visto por muitos anos no palanque do grupo de Rui Costa (PT) durante entregas e pautas do governo da Bahia, o vice-governador João Leão (PP) deu as caras durante a entrega do Polo de Economia Criativa, evento da prefeitura de Salvador, na manhã desta terça-feira (29). Alçado ao posto de pré-candidato ao Senado pela chapa de ACM Neto (UB), o "Bonitão" dividiu o palco com o ex-prefeito de Salvador, com Bruno Reis (UB), atual gestor municipal, e a vice-prefeita Ana Paula Matos (PDT).

 

Após anúncios do prefeito Bruno Reis (UB) sobre o Doca 1, equipamento que pretende concentrar e fomentar a cadeia produtiva criativa de Salvador, Leão teve oportunidade para discursar aos que estavam presentes. "Bruno, eu quero te dizer: 'eu estou chegando'. Agora vim para ficar, vim para ser uma alavanca do povo da Bahia lá no cenário nacional, quero ajudar o prefeito Bruno Reis em tudo aquilo que for necessário [...] Quero ser aquela alavanca do meu futuro governador, do meu prefeito de Salvador, a alavanca do povo da Bahia e dizer meus companheiros: 'obrigado Bahia'", disse o vice-governador.

 

Antes de Leão, Neto também fez um pronunciamento durante a entrega e aproveitou a oportunidade para lembrar a época de sua gestão em Salvador e comentar o aniversário da capital baiana. "Esta é uma cidade que valorizando e respeitando o seu passado vai se projetando para o futuro. Não há antagonismo, não tem porque falar em virar a página da história e esquecer as coisas boas que temos do passado, temos que valorizar o patrimônio imaterial, aquilo que nos fez chegar hoje aqui comemorando 473 anos", disse.

 

SALVADOR 473 ANOS

A entrega desta terça-feira (29) visa contribuir para o desenvolvimento econômico e turístico da cidade, além do resgate da autoestima dos cidadãos, com a inauguração do Doca 1 - Polo de Economia Criativa, no Comércio.

 

Equipamento inédito no Brasil, o Doca 1 pretende concentrar e fomentar a cadeia produtiva criativa de Salvador, incentivando novos talentos, promovendo a qualificação de mão de obra criativa da cidade e aproximando empresas e trabalhadores envolvidos com o capital intelectual, criativo e inovador.

Histórico de Conteúdo