Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Domingo, 05 de Dezembro de 2021 - 09:20

Chuvas devem permanecer ao longo do domingo em Salvador; Codesal emite alerta

por Vitor Castro

Chuvas devem permanecer ao longo do domingo em Salvador; Codesal emite alerta
Foto: Priscila Melo / Bahia Notícias

As fortes chuvas que marcaram o amanhecer do domingo (5) em Salvador devem permanecer ao longo do dia. De acordo com a Defesa Civil (Codesal), as localidades de Mirante de Periperi, Cajazeiras VII e Base Naval de Aratu registraram os maiores volumes acumulados de chuva das últimas seis horas. Nas primeiras oito horas deste domingo, a Codesal já registrava 15 ocorrências. 

 

A pasta chegou a emitir uma alerta de continuidade de chuvas de moderadas a fortes, com risco para alagamento e deslizamento de terra na capital. 

 

De acordo com a previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tempo deve permanecer chuvoso e com possibilidade de trovoadas até o final da manhã. Já entre a tarde e a noite, as chuvas permanecem, mas de forma isolada. A temperatura mínima é de 25 C° e a máxima de 29°.

 

De acordo com o boletim mais recente da Codesal, os maiores registrados de chuva foram na região de Mirante de Peripe, com 37,5 milímetros, Cajazeira VII com 32,6 milímetros e a Base Naval de Aratu com 31 milímetros acumulados. 

 

Por volta das três da madrugada, os ventos atingiram 13,7 Km/h na região da Cidade Baixa. Já às sete da manhã, a maior velocidade registrada dos ventos foi na região de Ondina. 18 quilômetros por hora. 

 

Um deslizamento de terra foi registrado na região de Brotas, e outro em Cajazeiras. A região entre Cabula e Tancredo Neves, registrou três ameaças de deslizamento. Já na localidade da Liberdade, a Codesal registrou, até às 9h20, dois desabamentos parciais de imóveis. Até a publicação desta matéria, a Capitania dos Portos não havia emitido alerta de mau tempo para a navegação. 

Histórico de Conteúdo