Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Desativado desde 1959, elevador do Taboão é reinaugurado em Salvador
Foto: Lula Bonfim / Bahia Notícias

Desativado desde 1959, portanto há 62 anos, o Elevador do Taboão foi reativado nesta quinta-feira (30) pela prefeitura de Salvador, em cerimônia com a presença do prefeito Bruno Reis (DEM) e demais autoridades. O equipamento faz a ligação entre o Pelourinho e o Comércio.

 

“Tivemos a coragem de assumir esse projeto e tirar essa obra do papel. Foi necessário adequar o projeto para um maquinário próprio, mas preservamos o elevador, a história está aí preservada. E hoje nós estamos inaugurando um equipamento climatizado, panorâmico, que vai ligar as cidades Baixa à Alta e que vai ajudar a estimular a economia nessa região. É um sonho antigo dos comerciantes e mais um meio de locomoção para a população, além de mais um ponto de visitação para os turistas que vêm a nossa cidade”, afirmou Bruno Reis.

 

A intervenção contou com investimento de R$5,4 milhões, provenientes de recursos municipais. O projeto de recuperação do Elevador do Taboão foi cedido para a Prefeitura pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional na Bahia (Iphan-BA).

 

O equipamento vai funcionar entre segunda a sexta, de 8h às 17h, de forma gratuita. A cabine tem capacidade máxima pra 14 pessoas, mas, durante a pandemia, só poderá ser usado por até oito pessoas. 

Histórico de Conteúdo