Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Segurança é morto a socos por impedir homem de entrar em camarote: 'Fiz porque quis'
Foto: Reprodução / Facebook

Um homem de 42 anos morreu enquanto fazia a segurança de uma festa, em Divinópolis (MG), no último sábado (25). A vítima foi atingida com um soco-inglês. O suspeito, de 32 anos, foi preso e disse para o organizador do evento que agrediu Edson Carlos Ribeiro "porque quis". As informações são do Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias.

 

Segundo a Polícia Militar, participantes da festa tentavam reanimar o segurança quando a corporação chegou ao Parque de Exposições da cidade. O suspeito estava contido por outras pessoas que trabalhavam no evento.

 

Conforme uma das testemunhas, enquanto descia do camarote, viu Edson sendo atingido com um soco. A vítima caiu inconsciente e o suspeito tentou fugir. Outro homem também comentou ter visto a agressão contra o segurança.

 

Ouvido pela polícia, o organizador da festa relatou que após perguntar ao suspeito o motivo da agressão, ele disse "Fiz porque quis". Segundo a publicação, o suspeito teria tentado entrar em um camarote, mas foi impedido pois o local era controlado por pulseira de acesso.

Histórico de Conteúdo