Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

'Nunca acreditei no bom gosto de Bolsonaro', diz Renan Calheiros na CPI
Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Relator da CPI da Covid-19, o senador Renan Calheiros (MDB-AL) ironizou o boato de que Jair Renan, o filho "04" de Bolsonaro, teria recebido o nome em homenagem ao pai e ao senador.

 

Calheiros disse ter sido lembrado por Humberto Costa (PT-PE) de que "corre um comentário de que o nome deste jovem teria sido atribuído em uma homenagem a mim".

 

"Eu, sinceramente, não acredito, nunca acreditei no bom gosto de Bolsonaro. Se isso aconteceu, devo agradecer à mãe do garoto, jamais ao presidente da República", disparou Renan.

 

O assunto surgiu na sessão da CPI quando os senadores comentavam o suposto envolvimento do lobista Marconny Nunes Ribeiro Albernaz Faria com a abertura da empresa Bolsonaro Jr Eventos, propriedade de Jair Renan. A relação foi noticiada pelo jornal Folha de S.Paulo.

Histórico de Conteúdo