Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Ministério da Infraestrutura vai leiloar área situada no Porto de Salvador nesta sexta
Foto: Codeba (via Flickr)

O Ministério da Infraestrutura vai colocar em leilão a SSD09, uma área situada no Porto de Salvador. Ele será realizado por meio da Antaq, nesta sexta-feira (13), na B3, em São Paulo.

 

Segundo informações divulgadas pela Companhia das Docas da Bahia (Codeba), a área em questão possui 16.707,81 m², atende à movimentação de carga geral, de projeto ou conteinerizada, com capacidade para 842,4 mil toneladas. Além dela, serão leiloadas áreas no Ceará e no Amapá.

 

A Codeba ressalta que esse arrendamento no modelo simplificado é uma inovação nos leilões do setor portuário. Ele prevê um prazo contratual de 10 anos para projetos com receita bruta global de R$ 190 milhões. Nas quatro áreas, o Ministério da Infraestrutura estima mais de R$ 148 milhões em investimento.

 

Ao falar especificamente sobre o caso da capital baiana, o ministro da pasta, Tarcísio Gomes de Freitas, defendeu que é “fundamental” aproveitar o potencial logístico do Porto de Salvador. A mensagem foi repassada por sua assessoria, em vídeo.

 

Já a Codeba lembra que o primeiro leilão de áreas portuárias localizadas na Bahia ocorreu em dezembro do ano passado. Na ocasião, dois terminais no Porto de Aratu-Candeias foram arrematados por R$ 62,5 milhões. Os ATU12 e ATU 18 somam 211,6 m², com capacidade para movimentação de 10 milhões de toneladas por ano. 

 

Após isso, a companhia estima que a movimentação de cargas nos portos cresceu 28,54%, no primeiro semestre de 2021, em relação ao mesmo período do ano anterior. Com isso, julho foi o 11º mês consecutivo de alta nas negociações.

Histórico de Conteúdo