Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Flávio Bolsonaro anuncia filiação ao Patriota e sugere provável destino partidário do pai
Foto: Roque de Sá/Agência Senado

O senador Flávio Bolsonaro, filho mais velho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), utilizou as redes sociais para anunciar sua filiação ao Patriota. O político deixou o PSL em 2019, após uma crise envolvendo dirigentes e o presidente.  Flávio chegou a se filiar ao Republicanos, mas se manteve dedicação à campanha de criação do Aliança pelo Brasil, partido que abrigaria, além de Bolsonaro e filhos, políticos aliados ao presidente. A iniciativa não vingou.

 

“Com muita honra comunico minha filiação ao Patriota. Participei diretamente de sua refundação, em 2018, desde a elaboração de seu Estatuto, com previsão inédita de ser o 1ª partido de direita do Brasil, até a escolha do nome “Patriota”. Que Deus nos abençoe nessa nova jornada”, escreveu nesta segunda-feira (31). 

 

O movimento do filho mais velho do presidente é a indicação mais concreta de que o próprio Bolsonaro também deve fazer movimento semelhante de adesão ao Patriota. A aproximação com a legenda já vem acontecendo há alguma tempo. Em janeiro deste ano a decisão chegou a ser antecipada pela Jovem Pan, conforme reproduziu o Bahia Notícias (reveja). 

 

À época, a reportagem do BN buscou os parlamentares, assim como os diretórios municipal, em Salvador, e estadual do Patriota na Bahia para sondar a opinião dos possíveis correligionários. Divergências nas opiniões foram identificadas (reveja). 

Histórico de Conteúdo