Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bruno Reis envia à Câmara pedido de autorização de extensão do auxílio municipal
Foto: Matheus Caldas / Bahia Notícias

Uma semana após o prefeito Bruno Reis (DEM) anunciar que enviaria o pedido de prorrogação do programa “Salvador por Todos” (leia mais aqui), a Câmara Municipal da capital baiana recebeu nesta sexta-feira (19) o texto enviado pela prefeitura de Salvador. A informação consta no sistema do Legislativo soteropolitano.

 

A extensão se dará por mais três meses. Desta forma, o auxílio de R$ 270, que se encerraria no final deste mês deve ser prorrogado até o mês de junho.

 

O pedido de Bruno Reis não inclui outras categorias no escopo pré-definido pela prefeitura. Contudo, segundo o ecretário de Promoção Social e Combate à Pobreza, Esporte e Lazer (Sempre), Kiki Bispo (DEM), até o dia da votação pode haver a adição de emendas de vereadores, ou uma articulação entre Câmara e prefeitura, que adicione novas categorias ao texto. 

 

Têm direito ao Salvador Por Todos as pessoas inscritas nos cadastros municipais, até 7 de abril de 2020, das seguintes categorias: baianas de acarajé, ambulantes, feirantes, camelôs, barraqueiros, baleiros, taxistas, motoristas de aplicativo e mototaxistas, com idade superior a 60 anos, guardadores de carro, recicladores, titulares do benefício moradia, em razão de vulnerabilidade social, que não recebam Bolsa Família, e titulares do benefício moradia, cadastrados pelo município como população de rua, que não recebam Bolsa Família.

Histórico de Conteúdo