Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Terça, 17 de Novembro de 2020 - 12:00

ACM Neto vai prestar 'consultoria' a prefeitos aliados no interior baiano em janeiro

por Jade Coelho / Ailma Teixeira

ACM Neto vai prestar 'consultoria' a prefeitos aliados no interior baiano em janeiro
Foto: Jade Coelho/ Bahia Notícias

Quando deixar a Prefeitura de Salvador, o prefeito ACM Neto (DEM) vai dar atenção a aliados que foram eleitos no interior do estado. Ele revelou, na manhã desta terça-feira (17), que foi convidado por alguns novos gestores a colaborar com a construção de seus mandatos.

 

"Tem alguns prefeitos que eu ajudei a eleger que já me pediram 'consultorias' entre aspas", contou a imprensa, em coletiva após a inauguração da terceira etapa das obras de requalificação da Avenida Aliomar Baleeiro (Estrada Velha do Aeroporto). "Claro, voluntárias e gratuitas, não vou ganhar nada por isso, mas faz parte dos meus planos. No começo do ano que vem, quando eu deixar a prefeitura, ir a cidades do interior, cidades importantes que eu citei aqui onde ganhamos, e ajudar alguns prefeitos no início do mandato a levar algumas dicas de projetos pra essas cidades, levar um pouco da experiência que eu acumulei aqui em Salvador e coisas aplicáveis nesses municípios", detalhou o plano. Como presidente nacional do Democretas, Neto governa o maior número de pessoas na Bahia (saiba mais aqui).

 

De acordo com ele, essas consultorias devem ocorrer logo em janeiro, mas o prefeito voltou a frisar que não se trata de articulação para disputar o governo do estado em 2022. Maior liderança de seu grupo político, ele é apontado como potencial candidato ao Palácio de Ondina, porém tem destacado que "não é a hora, não é o momento" para se declarar como tal, pois acredita que seria uma "irresponsabilidade".

 

Seus aliados, no entanto, fazem coro para que ele seja o nome que vai rivalizar contra o grupo do governador Rui Costa (PT). O vice-prefeito Bruno Reis (DEM) fez até uma comparação com o futebol para falar sobre o assunto. “Eu sempre brinco sempre. O prefeito era centroavante do time. Eu era o meia-direita, tava armando ali para ele fazer o gol. Ana Paula era frente de zaga. O prefeito agora vai ser técnico, conselheiro. Ele agora vai jogar, ou na seleção estadual, ou na seleção federal. Foi convocado. O passe dele está sendo adquirido por outro clube”, disse Bruno, eleito o próximo prefeito da capital baiana nesse domingo (15). A ex-secretária de Promoção Social e Combate à Pobreza, Ana Paula Matos, será sua vice.

 

ELEIÇÕES NO CONGRESSO

Além do foco no interior, outro compromisso já confirmado por ACM Neto para quando deixar a gestão da capital baiana são as eleições no Congresso Nacional. "Nós vamos ter, no dia 1º de fevereiro, as eleições para a Presidência da Câmara e do Senado federal. É óbvio que o Democratas [vai estar], eu não sei se com candidato próprio ou apoiando alguém, mas vamos estar envolvidos nas articulações. E como eu sou presidente do partido, eu não tenho como fugir disso", ressaltou.

 

Atualmente, ambas as Casas Legislativas são presididas por membros do DEM. A Câmara, com o deputado federal Rodrigo Maia (RJ), e o Senado, com o senador Davi Alcolumbre (AP).

Histórico de Conteúdo