Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Segunda, 16 de Novembro de 2020 - 17:20

Quatro candidatos não tiveram sequer o próprio voto em Salvador; saiba quem são

por Lula Bonfim

Quatro candidatos não tiveram sequer o próprio voto em Salvador; saiba quem são
Arte: Priscila Melo / Bahia Notícias

Quatro candidatos a vereador em Salvador não receberam sequer o próprio voto nas eleições deste domingo (15). Zerados, Débora Morbeck (Pros), Josenei Preto (PSL), Leonora Barbosa (Pros) e Valcimere Santos (MDB) dividem a última posição na lista de postulantes à Câmara Municipal da capital baiana.

 

Como característica em comum aos quatro candidatos que não receberam voto nas eleições 2020, nenhum se declarou branco à Justiça Eleitoral e nenhum registrou valores doados ou gastos na campanha.

 

Débora Morbeck de Oliveira, de 47 anos de idade, é solteira, tem ensino médio completo e não prestou contas ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), conforme dados publicados no portal Divulgacand.

 

Josenei Ferreira Borges, apresentado como Josenei Preto, também é solteiro, tem 53 anos de idade e possui ensino médio completo. O candidato não registrou doações eleitorais ou gastos de campanha, segundo informações do Divulgacand, do TSE.

 

Leonora Barbosa, por outro lado, tem ensino superior completo e é casada. Administradora de 48 anos de idade, ela também não prestou contas ao TSE de suas receitas e despesas durante a campanha eleitoral.

 

Por fim, Valcimere Santos, de 44 anos de idade, é casada, possui ensino superior completo e trabalha como agente administrativa. No portal Divulgacand, não registrou quaisquer valores como doação eleitoral ou gasto de campanha.

 

UM VOTO

A candidata Amanda Silva (PTB) deve ter recebido ao menos o próprio voto. Terminada a apuração em Salvador, a postulante a vereadora foi a única a contabilizar uma única votação. Casada, com 27 anos de idade e ensino médio completo, ela também não registrou receitas ou despesas durante a campanha, segundo o TSE.

Histórico de Conteúdo