Quase 73% da população crê que injeção de recursos na educação pública geraria qualidade
Foto: Reprodução/Pixabay

Pelo menos três em cada cinco brasileiros acreditam que o investimento de mais recursos na educação pública geraria qualidade. 

 

A informação foi revelada pela pesquisa Indicadores de Questões Nacionais (IQN) do Ibespe. Os dados mostram que 72,9% da população brasileira acha que se a Educação Pública tiver mais dinheiro, vai melhorar. Na Bahia, 66,7% responderam "sim". 

 

Entre os que discordam o índice foi de 23,7%. E não souberam responder 3,4%. 

 

O estudo foi realizado no período de 31 de julho de 2020. Foram realizadas 1.068 entrevistas, divididas proporcionalmente entre os 26 estados e o Distrito Federal, estratificadas de acordo com parâmetros adotados pelo TSE em relação ao sexo, faixas etárias e escolaridade.

 

A margem de erro amostral é de 3 pontos percentuais, para cima ou para baixo, considerando um Grau de Confiança de 95%.

Histórico de Conteúdo