TSE lista mais de 20 motivos para recusar fichas de apoio ao Aliança pelo Brasil
Foto: Reprodução / Poder 360

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) listou 26 motivos para recusar fichas de apoio ao Aliança pelo Brasil, partido que o presidente Jair Bolsonaro tenta montar desde que rompeu com o PSL. Embora erros sejam comuns no processo, especialistas indicam que há evidências de desorganização e despreparo na formulação da sigla.

 

Segundo a coluna Painel, da Folha de S. Paulo, 716 fichas foram descartadas por ausência do nome ou por informações incompletas sobre quem coletou o apoio. Outro exemplo mostra que 369 protocolos foram descartados porque o Aliança se esqueceu de apresentar a ficha de apoio e 22 porque faltou a assinatura do eleitor.

 

Além disso, no domingo (12), o jornal já havia noticiado que a Justiça Eleitoral encontrou 1.284 registros em duplicidades, 44 com nomes de eleitores que já morreram e 150 de pessoas inexistentes.

Histórico de Conteúdo