MP-RJ e Polícia Civil realizam operação ligada ao caso Marielle
Foto: Reprodução/ TV Globo

A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) deflagram nesta terça-feira (30) uma operação para cumprir mandados de prisão e de busca e apreensão. A ação é ligada ao caso Marielle, segundo a TV Globo.

 

O foco da operação é contra os chefes do “Escritório do Crime”, grupo integrado por policiais, ex-policiais e miliciano. O bando é investigado por uma série de homicídios, entre eles contra a vereadora Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes. As investigações apontam que a quadrilha pratica execuções por encomenda há mais de uma década. 

 

Um dos quatro alvos já foi preso. Trata-se de Leonardo Gouveia, que atende pelas alcunhas de “Mad” e “Paraíba”. Ele estava em uma mansão na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Já Anderson de Souza Oliveira, o “Mugão”, João Luiz da Silva, o “Gago”, e Leandro Gouveia da Silva, o “Tonhão”, irmão de “Mad”, são os outros procurados. 

 

A vereadora Marielle Franco (PSOL) e o motorista Anderson Gomes foram assassinados em março de 2018, no Rio de Janeiro. Dois suspeitos foram presos em março de 2019, mas ainda não foi descoberto o mandante do crime.

 

 


Foto: Reprodução/ TV Globo

Histórico de Conteúdo