Bolsonaro pressiona Guedes e pede crescimento mínimo de 2% em 2020
Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

Diante de um pessimismo com a redução da projeção do PIB (Produto Interno Bruto), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez cobranças ao ministro da Economia, Paulo Guedes, reforçando a necessidade de que, em 2020, a atividade econômica cresça, no mínimo, 2%. 

 

Segundo a Folha de S. Paulo, Guedes enfrenta desgaste com o presidente e, por isso, tem sido reiteradamente cobrado por melhores resultados. 

 

Segundo assessores presidenciais, Bolsonaro fez o pedido a Guedes em uma reunião nesta semana. Como resposta, o ministro afirmou que será possível atingir, ou até superar, o percentual. No entanto, a resposta não tranquilizou o presidente, diz a Folha. 

 

Um relatório divulgado pelo Banco Central na segunda-feira (17) revelou uma projeção de queda do mercado para a economia brasileira. A expectativa de crescimento passou de 2,30% para 2,23%, fato que teria incomodado até mesmo a própria equipe econômica. 

Histórico de Conteúdo