Paulo Bonfim tem primazia para apoio de Rui nas eleições em Juazeiro, defende Davidson
Foto: Bahia Notícias

O prefeito Paulo Bonfim (PCdoB), de Juazeiro, tem primazia para receber o apoio do governador Rui Costa (PT) nas eleições do próximo ano. Pelo menos é o que pensa o correligionário e presidente do PCdoB na Bahia, Davidson Magalhães, diante da possibilidade de mais de uma candidatura da base petista surgir no município.

 

“Várias cidades devem ter candidatos ligados a base de Rui. A base é muito ampla e o número de candidaturas deve se expandir por conta da heterogeneidade da aliança”, disse Magalhães.

 

Para Davidson, que faz parte do conselho político de Rui, por ser candidato à reeleição e por ter trazido votos para o governador na sua candidatura no último ano, Bonfim pode contar com um comprometimento maior do petista para a reeleição. “Tem setores que não apoiaram o nosso campo nas eleições do último ano e o governador vai levar isso em consideração. Penso que quem atuou na campanha trazendo votos no último ano, e agora disputará à reeleição, tem primazia”, argumentou o presidente do PCdoB-BA.

 

Paulo Bonfim pode enfrentar dois coronéis no pleito municipal de Juazeiro em 2020. Dois Anselmos são ventilados para a disputa: coronel Anselmo Brandão, comandante geral da PM-BA de Rui Costa, e Anselmo Bispo, comandante do Policiamento da Região Norte. Brandão deve se filiar a uma partido governista (veja aqui), enquanto Bispo teria apoiado a oposição nas eleições de 2018 e mantém certa distância do governador. 

Histórico de Conteúdo