Apenas 8% dos analistas veem altas chances de Eduardo ser aprovado como embaixador
Foto: Marcos Corrêa / PR

Um estudo feito com 10 casas de análise de risco político e três analistas independentes aponta que apenas 8% deles acreditam que são altas as chances do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) ser aprovado como embaixador do Brasil nos Estados Unidos. Seu pai, o presidente Jair Bolsonaro (PSL), já confirmou que pretende indicá-lo para o cargo, cuja aprovação ou rejeição é concedida pelos senadores.

 

Segundo informações do blog Painel, da Folha de S. Paulo, esse resultado é fruto de um levantamento do site Infomoney. Eles também detectaram que o Executivo tem uma relação mais proveitosa com o Judiciário do que com o Legislativo. Dessa forma, 54% dizem que é muito baixa e 38% que é baixa a chance de retomada da capitalização na reforma da Previdência.

Histórico de Conteúdo