Empresa fará auditoria de passagem nos ônibus; licitação deve sair na próxima semana
Foto: Alberto Maraux / SSP-BA

Uma empresa será contratada para fazer uma auditoria no sistema de bilhetagem eletrônica nos ônibus de Salvador. O serviço deve ser iniciado em 60 dias, após resultado do processo licitatório. Uma comissão composta por representantes da Agência Reguladora de Salvador (Arsal), Casa Civil, Secretaria de Gestão (Semge) e Secretaria de Mobilidade (Semob) libera na próxima semana o edital de licitação, de acordo com Henrique Trindade, presidente da agência. O objetivo da contratação é chegar ao número exato de passageiros equivalentes que utilizam o transporte público municipal por mês. Em 2014, quando foi assinado o contrato de concessão com a Integra, o número de pessoas que pagavam a tarifa cheia era 28 milhões. “Desde o início da licitação a Integra vem nos informando a quantidade de passageiros equivalentes. A gente tem percebido que nesta informação está reduzindo número de passageiros equivalentes. É isso que a gente precisa se certificar, porque todos os cálculos nossos são feitos com base nisso, além dos custos operacionais. É esta certeza que precisamos ter”, explicou Trindade. Embora exista uma tensão entre os consórcios de ônibus e a prefeitura, o presidente da Arsal garante que os empresários não são contra a iniciativa municipal, pelo contrário. Isso porque a informação sobreo número de passageiros equivalentes é base para cálculo da tarifa do ônibus e de custos operacionais. 

Histórico de Conteúdo