Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

‘Borracha é um instrumento do demônio’, diz educador inglês
Foto: Montagem / Bahia Notícias
Um educador inglês defendeu que as borrachas sejam banidas das escolas por ser um “instrumento do demônio”. A fala inusitada foi feita durante uma entrevista ao jornal “Daily Telegraph”, quando Guy Claxton disse que a existência do material faz com que as crianças se sintam envergonhadas dos seus erros. “A borracha é um instrumento do demônio porque perpetua uma cultura de vergonha sobre o erro. É um maneira de mentir para o mundo, que diz ‘Eu não cometi um erro. Fiz direito na primeira vez.’É isso que acontece quando você apaga e substitui o erro”, argumentou o professor da King’s College e cientista cognitivo. Para ele, a resiliência e a curiosidade ajudam os mais novos a melhorarem seus exames e encararem melhor a vida. “Proíba a borracha, coloque uma figura dela em uma grande placa e uma barra vermelha sobre ela, diga às crianças que não apaguem seus erros, mas os destaque porque eles são seus amigos, seus professores ”, defendeu. Segundo Claxon, as escolas devem deixar de lado a obsessão por boas notas e investir no processo de obtenção de respostas. Assim, as crianças poderiam se preparar para a “vida real”.

Histórico de Conteúdo