Polícia revista casa de copiloto de avião que caiu nos Alpes franceses
Foto: Reprodução/Facebook
O promotor da cidade de Düsseldorf, Christoph Kumpa, afirmou que a polícia alemã começou a fazer buscas na casa do copiloto Andreas Lubitz, 28 anos, que teria sido o responsável por derrubar o avião da empresa Germanwings na última terça-feira (24). A residência de Lubitz fica em Montabaur, cidade onde ele nasceu. Ainda segundo o promotor, outros locais relacionados com o acidente também devem ser revistados pela polícia. O copiloto alemão foi treinado pela Lufthansa, trabalhava na profissão desde 2013 e tinha 630 horas de voo. Na manhã desta quinta-feira (26) o promotor de Marselha, na França, Brice Robin, levantou a hipótese de que Lubitz estava consciente, deixou o piloto do avião trancado do lado de fora do cockpit e acionou o mecanismo de descida da aeronave propositalmente, sendo o responsável pela tragédia. "Não estou usando a palavra suicídio porque eu não sei, mas ele deliberadamente provocou a queda de altitude", afirma Robin.

Histórico de Conteúdo