Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Fotos inéditas do corpo de Che Guevara são reveladas na Espanha
Foto: Reprodução
Oito fotos originais tiradas de Ernesto "Che" Guevara logo após a sua morte foram reveladas, quando se completa quase meio século (47 anos) da morte do revolucionário sul-americano. Elas foram mantidas em uma casa de família na aldeia Castilistar, na província espanhola de Zaragoza. Foi Luis Cuartero, missionário espanhol na Bolívia (onde o guerrilheiro foi morto em 1967) naquela época, que levou as fotos para a Espanha, poucos dias após a morte do guerrilheiro. "Meu tio chegou a Espanha de barco para casar meus pais entre o fim de outubro e o começo de novembro de 1967", lembra Imanol Arteaga, sobrinho de Cuartero, à BBC Mundo. Ao chegar, o sacerdote contou à sua irmã que tinha dado as fotos a um jornalista francês. Arteaga disse que a sua família tinha nenhuma simpatia especial por Che ou suas causas, e por isso as imagens acabaram esquecidas por décadas. "Não demos muita importância", disse Arteaga. Entre as fotografias, várias são do corpo de Che. Elas parecem ter sido tiradas em momentos diferentes. Em algumas, ele aparece a jaqueta ainda no corpo sujo e em outras o corpo aparece limpo e parece posicionado para ser exposto. Há também uma foto de Tamara Bunker, conhecida como Tânia, a companheira de Che na Bolívia. Arteaga acredita que as fotos que conseguiu sejam de autoria de Marc Hutten, jornalista francês da Agence France Presse (AFP), que morreu em março de 2012. Informações do G1.

Histórico de Conteúdo