Polícia Civil investiga declaração de vereador sobre mendigos
Foto: Reprodução/ Youtube
Apesar de o vereador José Paulo Carvalho de Oliveira, o Russo (PTdoB), ter afirmado “estar arrependido das suas declarações sobre moradores de rua”, a Polícia Civil instaurou um inquérito para apurar a conduta. A declaração foi feita em um pronunciamento no plenário da Câmara Municipal de Piraí, no dia 8 de outubro. Durante a sessão, o político afirmou que mendigo “deveria até virar ração para peixe” (veja aqui). Segundo o Extra, ao tomar conhecimento das declarações, o delegado titular da 94ª DP (Piraí), Marcelo Haddad, determinou a realização de um registro por apologia ao crime ou criminoso. A polícia já solicitou a ata da sessão e a cópia da fita com a gravação das declarações de Russo e o presidente da Câmara e o vereador serão intimados a depor. Em entrevista, ele reconheceu que foi “infeliz” na sua colocação e contou que pediria desculpas publicamente durante a sessão desta terça-feira (29). Segundo Russo, ele foi “tomado pela emoção da recordação de um acontecimento de 17 anos atrás”, quando seu irmão mais velho foi assassinado, em Além Paraíba, por um morador de rua que abrigou em seu sítio. Uma manifestação está marcada para as 17h desta terça-feira, na porta da Câmara. O ato foi batizado de “terça-feira suja”, e os manifestantes foram convidados a comparecer com roupas velhas com pequenos rasgos.

Histórico de Conteúdo