Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Geral

Notícia

Renan Calheiros pede 'urgência' para relatório sobre direito de resposta

Renan Calheiros pede 'urgência' para relatório sobre direito de resposta
Foto: Agência Senado
O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), solicitou ao Conselho de Comunicação Social do Congresso, nesta segunda-feira (3), que produza "com urgência" um diagnóstico sobre o projeto de lei que regulamenta o direito de resposta para quem se considerar ofendido por reportagens jornalísticas. A proposta foi aprovada em caráter terminativo na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado em março de 2012, mas não chegou a ser analisada pelos parlamentares devido a um recurso. De acordo com Renan, a proposta deverá ser apreciada pelo plenário do Senado nos "próximos dias". “É muito importante que o Conselho [de Comunicação Social] dê um parecer dizendo o que entende sobre esse assunto e nos recomende verdadeiramente o que é que nós vamos poder fazer”, afirmou o senador. Integrado por 13 membros titulares e igual número de suplentes, o conselho tem o objetivo de orientar deputados e senadores sobre questões que envolvam temas como liberdade de expressão, propaganda e programação de emissoras de rádio e televisão. Informações do G1.