Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Marca Bahia Notícias
Você está em:
/
Notícia
/
Política

Notícia

"Bandeiras atualíssimas", diz Alexandre Brust sobre 33 anos do PDT

Por Bárbara Affonso

"Bandeiras atualíssimas", diz Alexandre Brust sobre 33 anos do PDT
O PDT completa neste domingo (26) 33 anos de fundação. Em Salvador, a comemoração entre os correligionários foi antecipada para a sexta-feira (24), quando políticos e membros de movimentos sociais se reuniram na sede da legenda, na Mouraria, para "relembrar o manifesto de criação do partido de 1970", segundo informou ao Bahia Notícias o presidente do PDT no Estado, Alexandre Brust. "Exilado em Portugal, [Leonel] Brizola reuniu 120 trabalhistas para produzir a Carta de Lisboa, que pretendia reestruturar o velho Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). No regresso ao Brasil, a ditadura militar tomou a sigla e foi fundado o PDT", contou. Para o líder do partido na Bahia, o documento, publicado em 17 de junho de 1979, já trazia o futuro programa do PDT e suas principais bandeiras. "São bandeiras atualíssimas, como a educação integral, implantada por Brizola no Rio de Janeiro e que hoje é discurso de todos os partidos", pontuou.