MPF busca equipe permanente de brigadistas na Chapada Diamantina
Foto: Peu Ribeiro
O Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA) e a Justiça Federal em Irecê realizaram, de 1º a 4 de abril, quatro audiências públicas em municípios da região do Parque Nacional da Chapada Diamantina (PNCD), unidade de conservação federal com maior quantidade de registros de incêndios. De acordo com relatos da comunidade, a principal dificuldade no combate ao problema é a falta de apoio às brigadas voluntárias, que chegam a passar dias no alto da serra, mesmo com a reduzida estrutura oferecida. Durante inspeção judicial no Vale do Pati, localizado dentro do parque nacional, a equipe do MPF-BA avistou um foco de incêndio a 5km de Mucugê. Os servidores tentaram, sem sucesso, entrar em contato com a Polícia Militar do município e com a equipe do Corpo de Bombeiros mais próxima, em Lençóis, que, devido à distância, não pode prestar auxílio. Duas horas após ser identificado, o fogo só foi combatido por brigadistas voluntários do município. O procurador Samir Nachef busca medidas judiciais para promoção de melhorarias na estrutura de combate aos incêndios. 

Histórico de Conteúdo