Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Metade dos presos faz visitas virtuais em penitenciárias federais
Metade dos presos das penitenciárias federais realiza visitas virtuais, de acordo com levantamento do Departamento Penitenciário Nacional (Depen). Em parceria com a Defensoria Pública da União (DPU), a iniciativa permite que detidos nas quatro cadeias federais tenham contato com parentes, cônjuges e amigos, em uma tentativa de manter vínculos afetivos e facilitar a ressocialização. O projeto também serve para a realização de audiências judiciais por videoconferência, que já superam em número as audiências presenciais. Só em 2012, 232 presos (52% do total) realizaram 870 visitas. Os detentos estão recolhidos em estabelecimentos federais de segurança máxima de alta periculosidade para a segurança pública. Durante a visita virtual, o preso permanece com algemas nos tornozelos, acompanhado por um agente penitenciário, que aparece nas imagens. Por segurança e sigilo, o Depen não divulga a lista dos presos no programa. Informações do Estadão.

Histórico de Conteúdo