Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quarta, 26 de Dezembro de 2012 - 19:12

Reviravolta na presidência da Câmara: Candidatura de Muniz está mantida

por Evilásio Júnior

Reviravolta na presidência da Câmara: Candidatura de Muniz está mantida
Foto: Max Haack / Ag. Haack / Bahia Notícias
O PTN, partido com maior representação na base de sustentação do futuro prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), decidiu em reunião nesta quarta-feira (26) manter a candidatura de Carlos Muniz, vereador mais votado em outubro, à presidência da Casa. Segundo o edil, os "critérios" para que o edil apoiasse Paulo Câmara (PSDB) não teriam sido "cumpridos". "A questão é que eu não sou candidato de mim mesmo. Foi uma questão de unidade do partido. Os outros candidatos do partido [Alan Castro e Geraldo Junior] disseram que me apoiam", declarou Muniz, em entrevista ao Bahia Notícias, ao lado do também representante da sigla Kiky Bispo, ao salientar que conta "com pelo menos 12 votos". Outro vereador eleito pela legenda, Toinho Carolino, se disse surpreso com a informação, já que não fala com os correligionários há dois dias. "Na verdade, eu desconheço. Falei com eles no último dia 24 e, até então, a orientação era a mesma do que tínhamos acertado no sábado", disse Carolino, em entrevista ao BN. Com a efetivação do nome de Muniz no pleito, agora três postulantes disputarão a sucessão de Pedro Godinho (PMDB) no comando do Legislativo soteropolitano.

Histórico de Conteúdo