Segunda, 18 de Janeiro de 2016 - 13:20

Porto Seguro: MP investiga fraudes no ‘São João Elétrico’

por Francis Juliano / Cláudia Cardozo

Porto Seguro: MP investiga fraudes no ‘São João Elétrico’
Foto: Reprodução / Youtube
A 5ª Promotoria de Justiça de Porto Seguro, na Costa do Descobrimento, abriu um inquérito para apurar gastos no São João de 2013. A denúncia partiu de um relatório do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), que puniu a prefeita Cláudia Oliveira por irregularidades em licitações do “São João Elétrico de Porto Seguro 2013”. De acordo com o TCM, a festa teria custado R$ 2,8 milhões, soma que representou 16% da arrecadação do município no mês em que o evento ocorreu. A condução do inquérito, publicado nesta segunda-feira (18) no Diário da Justiça Eletrônico, será feito pela promotora Camila Vasquez. 


Histórico de Conteúdo