Anguera acata recomendação do MP e revoga decreto que proibia entrada na cidade
Foto: Reprodução

A prefeitura de Anguera atendeu a recomendaçao do Ministério Público estadual (MP-BA) e revogou o decreto que proibia a entrada no município pelo fechamento dos acessos à cidade (relembre aqui). A justificativa do município era de que, com a medida, ia impedir a disseminação do novo coronavírus (Covid-19). 

 

Na recomendação, o promotor de Justiça Audo da Silva Rodrigues informou que as providências previstas no decreto revogado não condiziam com os dados atuais da evolução do quadro epidemiológico existente no município, nem tampouco com o ordenamento pátrio.

 

Conforme recomendado pelo MP-BA, o município expediu, na última quarta-feira (8), um novo decreto implementando apenas barreiras sanitárias. O decreto, com validade inicial de sete dias, determina que nessas barreiras seja aferida a temperatura das pessoas que pretendam acessar a cidade, bem como que se realize uma entrevista com elas objetivando identificar casos suspeitos de contaminação por coronavírus para acompanhamento da Secretaria Municipal de Saúde. 

 

A fiscalização será realizada nas vias de acesso a Anguera pela administração municipal com o apoio da Polícia Militar.

Histórico de Conteúdo