Terça, 04 de Fevereiro de 2020 - 11:20

Rio de Contas: MP pede que prefeito crie decreto para organizar Carnaval

por Cláudia Cardozo / Francis Juliano

Rio de Contas: MP pede que prefeito crie decreto para organizar Carnaval
Foto: Francis Juliano / Bahia Notícias

O Ministério Público do Estado (MP-BA) fez recomendações ao prefeito de Rio de Contas, na Chapada Diamantina, com vistas ao tradicional Carnaval da cidade. Em publicação desta terça-feira (4), o promotor Ruano Fernando da Silva Leite pediu que o gestor organize o espaço da festa [por meio de decreto], ordenando o espaço com vistas à segurança, à acessibilidade e à proteção do patrimônio histórico e cultural do município, o que inclui o acervo arquitetônico local.

 

No entorno da Praça da Matriz, no Centro Histórico, o Instituto Artístico e Nacional [Iphan] proibiu o acesso de veículo de grande porte. O promotor ainda endereçou recomendações à Câmara de Vereadores, à Polícia Militar, ao Conselho Tutelar, entre outras entidades. Situada na parte Sul da Chapada Diamantina, Rio de Contas foi a primeira cidade planejada do Brasil. No século 18, a cidade atingiu o apogeu econômico devido à mineração de ouro.

Histórico de Conteúdo