Feira: Médico é denunciado por cobrar 'por fora' para fazer cirurgias pelo SUS
Foto: Ed Santos / Acorda Cidade

Um médico foi denunciado por cobrar valores para realizar cirurgias pelo SUS [Sistema Único de Saúde] em Feira de Santana. A denúncia foi feita nesta segunda-feira (11) pelo Ministério Público do Estado (MP-BA) contra Samuel Artur Cardoso de Souza. Segundo o promotor de Justiça Tiago Quadros, os casos teriam ocorrido na Casa de Saúde Santana (CSS) em agosto de 2010 e setembro de 2013 e geraram R$ 1,1 mil. Conforme o promotor, os valores teriam sido exigidos, respectivamente, para realização de duas cirurgias no braço direito (uma por R$ 300 e outra por R$ 400) e de um tratamento cirúrgico nos punhos (R$ 420). Segundo a denúncia, o médico chegou a argumentar a uma das pacientes que a prestação do serviço pelo SUS demoraria a ponto de causar “paralisia nos movimentos do braço direito”. À outra paciente, o ortopedista teria escrito em “um papel o valor a ser pago e o nome da pessoa que deveria recebê-lo”. O promotor também afirmou que ao ser questionado pela paciente se o procedimento não seria coberto pelo SUS, o médico teria dito que o SUS “cobria mas não pagava”. 

Histórico de Conteúdo