Itaparica: Prefeitura sanciona lei que garante condição de estação ecológica à Ilha do Medo
Foto: Reprodução / Itaparica Notícias

A Ilha do Medo, localizada na Baía de Todos os Santos, continuará sendo uma área de preservação ambiental. Em contraposição à Lei nº. 001/2016, aprovada pela Câmara Municipal de Itaparica em janeiro de 2017, que autoriza construções privadas no local, a Prefeitura Municipal de Itaparica sancionou, nesta sexta-feira (5), a Lei nº 338/2017 vedando a utilização econômica da Ilha do Medo. Desta forma, a Lei 001/2016, sancionada pela Câmara Municipal, foi revogada, devolvendo ao local a condição de Estação Ecológica. Agora, para ganhar permissão para explorar ambientalmente o local o interessado terá que se submeter a uma "criteriosa análise técnica do poder público municipal, especialmente o treinamento histórico, cultural e de manejo, bem como o cadastramento dos técnicos, dos guias e da equipe de apoio", consta no documento. Prefeita de Itaparica, Marlylda Barbuda afirma que a revogação da lei anterior foi realizada com objetivo de garantir a "preservação da fonte de subsistência e de renda de boa parte da nossa população, que depende da mariscagem e pesca, além de salvaguardar toda riqueza natural da Ilha", disse.

Histórico de Conteúdo