Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Bolsonaro inaugura em Teixeira de Freitas trecho da BR-116 que não passa na cidade
Foto: Reprodução / Alan Santos - Presidência da República

Para celebrar os 1000 dias de governo, o presidente Jair Bolsonaro participa, nesta terça-feira (28), de uma série de ações. Algumas delas acontecem em Teixeira de Freitas e foram confirmadas pela própria Secretaria de Comunicação do governo, listadas como “inauguração da Estação Cidadania, entrega de Títulos de Propriedades Rurais e entrega de Trechos de Duplicação das BR-101 e BR-116” (lembre aqui). Tudo certo até então, não? Se não fosse apenas um detalhe importante: a BR-116 não cruza a cidade do extremo sul baiano.

 

O entroncamento mais próximo entre Teixeira de Freitas, uma das cidades em que Bolsonaro venceu nas urnas na Bahia em 2018, e a BR-116 sequer fica em terras baianas. Para ir do extremo sul baiano e ingressar na rodovia, o caminho mais rápido é saindo da Bahia em direção a Minas Gerais, cruzando pelas cidades de Posto da Mata, ainda na Bahia, Nanuque e Teófilo Otoni, já no território mineiro, a 376 km do local escolhido para o ato com o presidente.

 

A inauguração, então, deve ser remota - ainda que isso não seja indicado pelo próprio governo no aviso de credenciamento. O trecho da BR-116 na Bahia que passa por duplicação, sob responsabilidade do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), fica em Conceição da Feira, no norte do estado. Portanto, a celebração do milésimo dia de governo Bolsonaro estará a 690 km, via BR-101, do local onde a duplicação estará disponível à população.

Histórico de Conteúdo