Canarana decreta estado de emergência em decorrência da pandemia do novo coronavírus
Foto: Reprodução / Facebook

A prefeitura de Canarana, na região de Irecê, declarou, nesta quarta-feira (25), estado de emergência em saúde pública pelo prazo de 30 dias, em decorrência da pandemia do novo coronavírus. O município do semiárido baiano confirmou seu primeiro caso da Covid-19, com um paciente vindo de São Paulo (veja aqui).

 

A gestão municipal suspendeu a concessão de férias e demais licenças voluntárias para servidores ligados à Defesa Civil, à Guarda Municipal e às secretarias de Saúde e de Assistência Social, além dos vinculados aos setores de compras, licitações e contratos da Secretaria de Administração.

 

O decreto também libera a contratação temporária de profissionais de saúde, estabelece que ficam dispensadas as licitações em compras necessárias ao enfrentamento da pandemia e libera os servidores municipais com mais de 60 anos para trabalharem de forma remota, de casa.

 

Visando inibir aglomerações de pessoas, o município decidiu também suspender o funcionamento de praças, campos e quadras poliesportivas, além de fechar quase todo o comércio da cidade, excetuando-se os serviços essenciais, como supermercados, farmácias, postos de combustíveis, distribuidores de água e de gás, pontos de atendimento da Coelba e da Embasa, casas lotéricas e agências bancárias, entre outros.

Histórico de Conteúdo