Quinta, 28 de Março de 2019 - 10:20

Mucuri: Desembargador autoriza continuação de 'CPI' que pode afastar prefeito

por Cláudia Cardozo / Francis Juliano

Mucuri: Desembargador autoriza continuação de 'CPI' que pode afastar prefeito
Foto: Reprodução / Teixeira News

Uma decisão do desembargador Raimundo Cafezeiro autorizou nesta quinta-feira (28) o prosseguimento de uma denúncia que pode cassar o mandato do prefeito de Mucuri, no extremo sul, José Carlos Simões. O desembargador do Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) acatou recurso da Câmara de Vereadores da cidade. A Casa pedia a suspensão de uma sentença da Comarca local que tinha suspendido os efeitos da sessão que recebeu a denúncia contra o prefeito.

 

Em 13 de novembro do ano passado, a Casa Legislativa acatou o recebimento da denúncia pelo placar de 12 votos a 1 e criou uma espécie de CPI que vai investigar Simões. A ação, feito por um ex-secretário de saúde de Simões, acusava irregularidades em verbas do Fundeb [Fundo de Desenvolvimento e Manutenção da Educação Básica e Valorização dos Profissionais].

 

Segundo o site Teixeira News, o caso tem a ver com uma verba de R$ 32,7 milhões. O valor seria referente à primeira parcela de uma ação conseguida pelo Município contra o governo federal sobre falta de repasses da União entre 1998 e 2007.

Histórico de Conteúdo