Terça, 03 de Dezembro de 2019 - 10:30

Primeira Medalha Irmã Dulce foi concedida a Maria Rita Lopes Pontes

por Iga Bastianelli

Primeira Medalha Irmã Dulce foi concedida a Maria Rita Lopes Pontes

 

O Plenário Cosme de Farias ficou lotado de amigos, conselheiros e voluntários das Obras Socias de Irmã Dulce (Osid). As voluntárias, da Rede Amigas de Dulce com coordenação de Rosemma Maluf, também, estavam presentes na sessão solene para prestigiar Maria Rita Lopes Pontes. A Câmara Municipal de Salvador homenageou, ontem à noite, a superintendente da Osid, com a primeira Medalha Irmã Dulce.

A homenagem foi proposta pelo vereador Joceval Rodrigues (Cidadania) com aprovação unânime pelos vereadores de Salvador. A medalha é destinada a pessoas físicas, empresas ou instituições do terceiro setor que se destaquem na promoção de relevantes obras sociais na cidade de Salvador. Durante a Sessão Solene o Arcebispo Dom Murilo Krieger leu um e-mail (sem identificar a autoria) com um relato que retrata a pobreza que enfrenta o povo da periferia de Salvador e que muitas crianças e mães estão passando fome. O Vice prefeito Bruno Reis destacou a importância das palvras de Dom Murilo e que a Prefeitura tem muitos desafios e vem se comprometendo em apoiar cada vez mais as Obras Sociais de Irmã Dulce. Muito discreta Maria Rita fez um agradecimento e destacou a importância do legado deixado pela Santa Irmã Dulce dos Pobres.

Histórico de Conteúdo