Usamos cookies para personalizar e melhorar sua experiência em nosso site e aprimorar a oferta de anúncios para você. Visite nossa Política de Cookies para saber mais. Ao clicar em "aceitar" você concorda com o uso que fazemos dos cookies

Quinta, 01 de Julho de 2021 - 09:05

Visagismo presencial ou on line

por Iga Bastianelli

Visagismo presencial ou on line

 

Com a pandemia e as diversas restrições de funcionamento a empreendedora, visagista e terapeuta em florais de bach Daniela Athayde teve que se reinventar para oferecer os serviços as clientes. Para além do atendimento presencial com hora marcada seguindo todos os protocolos de segurança no estúdio dela, em Villas do Atlântico, Daniela lançou um novo modelo de atendimento online e personalizado.

 

Segundo a visagista a procura por consultoria de imagem pessoal baseada nas características do rosto e do autoconhecimento, aumentou muito. “Acredito que a necessidade de se conectar consigo mesmo se tornou mais revelador na pandemia”, esclarece Daniela. Entre os diversos trabalhos realizados um deles trouxe para ela, grande realização profissional. “Uma Cliente que tinha acabado de sair de um relacionamento abusivo me procurou, sem saber exatamente o que queria mudar, então o trabalho foi iniciado com o propósito de resgatar a auto estima desta mulher. A nova imagem pessoal que traçamos para ela terminou devolvendo a alegria para esta cliente e as potencialidades positivas começaram a aflorar, hoje ela está muito melhor que antes”, conta Daniela.

 

Segundo a profissional as clientes estão olhando mais para dentro de si, dando novos significados a imagem pessoal, mudando alguns comportamentos e investindo nelas mesmas. “Muitas que antes, por medo, nunca tinham, por exemplo, cortado o cabelo curto, estão ousando e estão tendo coragem de mudar".

 

Conheça mais sobre Visagismo

Segundo Daniela, o visagismo busca harmonizar o cliente de forma única, potencializando cada pessoa no seu melhor pilar. A verdade é que muita gente faz confusão entre consultoria de moda e estilo com a consultoria visagista.
 

A consultoria visagista busca o autoconhecimento de forma que se busca harmonizar o cliente com o que ele tem de melhor, independente de moda ou estilos. Ou seja, os cabelos roupas e acessórios combinam com as características da cliente sem copiar artistas, tendência, modelos ou referências.


Conheça o passo a passo do trabalho do visagista:

Primeiro é feito um mapeamento facial, seguida de terapia da autoimagem, estudo do temperamento dominante e arquétipos. É analisada a coloração pessoal, a sugestão de imagem e o personal shopping.

"Me realizo ao usar meus conhecimentos para auxiliar pessoas na busca da autoaceitação e reabilitação da autoimagem feminina", finaliza Daniela Athayde.

Quinta, 01 de Julho de 2021 - 09:05

Visagismo presencial ou on line

por Iga Bastianelli

 

Com a pandemia e as diversas restrições de funcionamento a empreendedora e visagista Daniela Athayde teve que se reinventar para oferecer os serviços as clientes. Para além do atendimento presencial com hora marcada seguindo todos os protocolos de segurança no estúdio dela, em Villas do Atlântico, Daniela lançou um novo modelo de atendimento online e personalizado.

 

Segundo a visagista a procura por consultoria de imagem pessoal baseada nas características do rosto e do autoconhecimento, aumentou muito. “Acredito que a necessidade de se conectar consigo mesmo se tornou mais revelador na pandemia”, esclarece Daniela. Entre os diversos trabalhos realizados um deles trouxe para ela, grande realização profissional. “Uma Cliente que tinha acabado de sair de um relacionamento abusivo me procurou, sem saber exatamente o que queria mudar, então o trabalho foi iniciado com o propósito de resgatar a auto estima desta mulher. A nova imagem pessoal que traçamos para ela terminou devolvendo a alegria para esta cliente e as potencialidades positivas começaram a aflorar, hoje ela está muito melhor que antes”, conta Daniela.

 

Segundo a profissional as clientes estão olhando mais para dentro de si, dando novos significados a imagem pessoal, mudando alguns comportamentos e investindo nelas mesmas. “Muitas que antes, por medo, nunca tinham, por exemplo, cortado o cabelo curto, estão ousando e estão tendo coragem de mudar".

 

Conheça mais sobre Visagismo

Segundo Daniela, o visagismo busca harmonizar o cliente de forma única, potencializando cada pessoa no seu melhor pilar. A verdade é que muita gente faz confusão entre consultoria de moda e estilo com a consultoria visagista.
 

A consultoria visagista busca o autoconhecimento de forma que se busca harmonizar o cliente com o que ele tem de melhor, independente de moda ou estilos. Ou seja, os cabelos roupas e acessórios combinam com as características da cliente sem copiar artistas, tendência, modelos ou referências.


Conheça o passo a passo do trabalho do visagista:

Primeiro é feito um mapeamento facial, seguida de terapia da autoimagem, estudo do temperamento dominante e arquétipos. É analisada a coloração pessoal, a sugestão de imagem e o personal shopping.


Me realizo ao usar meus conhecimentos para auxiliar pessoas na busca da autoaceitação e reabilitação da autoimagem feminina.

Saiba como manter a saúde mental e a boa produtividade no home office

 


A chegada da pandemia fez com que muitas empresas aderissem ao home office para preservar a saúde de seus colaboradores e não expô-los ao coronavírus. Com isso, trabalhar em casa se tornou mais prático e libertador para muitas pessoas. Por outro lado, o excesso de cobrança para manter o nível de qualidade de trabalho, a solidão por não estar rodeada de pessoas e não saber lidar com as atividades pessoais e profissionais juntas, começaram a se tornar massacrantes.

E pensando em ajudar a manter a saúde mental em ordem durante este período de trabalho remoto, Grazi Piva, diretora executiva de Gente, Gestão e Cultura, da EDC Group consultoria de RH e outsourcing de serviços especializados, desenvolveu orientações e reflexões de como fazer para se adaptar ao Home Office de forma saudável, ter um dia produtivo e não sofrer com a rotina diária dentro de casa. Ela explica que o isolamento social já pode ser um fator que desperta movimentos negativos. "Solidão e excesso de trabalho estão relacionados a aumento de casos de estresse, ansiedade e depressão. Por isso, é fundamental manter uma rotina e se desconectar quando necessário", explica.

Confira as dicas:

• Tenha rotina

Organize a sua rotina de trabalho como se estivesse sendo exercida presencialmente. Com uma definição específica para iniciar e finalizar o expediente, será mais fácil administrar o trabalho home office e ter períodos de descanso. Para pais e mães, tal organização é fundamental para que as crianças também tenham um tempo de convivência com eles. Não está fácil para ninguém e não existe receita mágica, mas a rotina será sempre uma grande aliada.

• Estabeleça metas

No trabalho home office existem horários mais flexíveis, que podem nos levar à procrastinação ou excesso de jornada. Por este motivo, é importante que você defina metas que devem ser cumpridas em determinados períodos, como número de atividades que serão executadas em um dia ou em um período específico (os planners podem ser ótimos aliados). 


• Aprenda a dizer não! Isso é importante para definir prioridade

O não possibilita você chegar mais perto daquilo que deseja e coloca você como protagonista da sua história. Quando aprendemos dizer não, aquele espaço para terceirizar a culpa para o outro some, pois já não existe mais alguém pautando a nossa existência, ou seja, você assume as suas rédeas. Por que você não diz não?
 

• Tenha uma estação de trabalho

O home office não precisa significar que toda a residência se tornou um lugar de trabalho. É importante que exista uma divisão espacial que indique o momento de trabalho e ter uma estação que contribui com esse processo. Nela estarão seus documentos profissionais e as ferramentas necessárias para a execução de suas atividades diárias. Deixe sempre o local organizado e com sua identidade.

• Faça check-lists

Muitas vezes nos sentimos sobrecarregados e culpados com um acúmulo de tarefas. Fazer listas de pendências ajuda na definição de prioridades e na visualização de tarefas a serem cumpridas de uma maneira holística. 

• Converse


O trabalho home office pode gerar solidão e nos desconectar das pessoas. Como humanos, precisamos nos comunicar com os outros para fortalecermos nossas identidades e nos sentirmos parte da sociedade, afinal, somos seres relacionais. Busque conversar com seus amigos, familiares e colegas de trabalho - em muitos casos isso também ajuda a ver que suas angústias são comuns a outras pessoas e buscar coletivamente soluções que tornem a rotina mais leve.

• Pratique atividade física

A prática de atividade física, além de promover hábitos saudáveis, também contribui com a inserção de ações que te desvinculam da rotina de trabalho. Caminhar ao ar livre ou pedalar, por exemplo, são modos de desconectar a sua mente das atividades profissionais. 

• Seja original e desconecte-se


Não sermos nós mesmos pode ser muito exaustivo. Seja fiel a sua própria identidade, valores e essência. Viver somente para se encaixar em dinâmicas, grupos e situações,?constroem muitas emoções negativas e acabam com o nosso humor e saúde. Então, olhe para dentro, conheça seus limites, paixões e sonhos. Tenha claro o que você quer para você. Isso não é egoísmo e sim sinônimo de bem-estar e vitalidade. 

 Mercado digital impulsiona mães a empreender e aprender na internet
 

A gestação e a maternidade podem trazer diversas dúvidas para as mães de primeira viagem ou até mesmo as mais experientes. Com milhares de pessoas em casa, devido às orientações de distanciamento social para frear o avanço da Covid-19, a internet pode ser uma aliada das mães também nesse momento, seja na busca por informações e conhecimento, seja na oferta de conteúdo especializado no tema.
 

É o caso da nutricionista e mestre em Ciência dos Alimentos Milene Henrique e da especialista em sono infantil, pós-graduada em neuropsicopedagogia, Karla Mendonça. Elas fazem sucesso nas redes sociais e no mundo dos negócios ajudando outras mães a lidarem com a rotina e os desafios da maternidade.
 

Com mais de meio milhão de seguidores em suas redes sociais, Karla transformou sua experiência profissional e de mãe no curso online Bebê Dorminhoco onde ensina técnicas para ajudar outras mulheres na rotina de sono do bebê. O projeto já ajudou mais de 30 mil famílias, em 16 países, e conquistou famosos como Karina Bacchi, Juliana Didone e Thaeme Mariôto.
 

Mãe do Arthur e do pequeno Heitor, a nutricionista Milene criou o curso Bebê Bom de Garfo que tem como objetivo melhorar a alimentação de crianças com dificuldades para comer ou aceitar novos alimentos. Baseado em mais de 12 anos de estudo, e também na sua prática profissional e pessoal, o conteúdo já transformou a vida de mais de 14 mil mães e seus filhos. Além disso, em suas redes sociais ela compartilha sua experiência com mais de 300 mil seguidores.
 

Segundo Nathalia Cavalieri, vice-presidente de marketing da Hotmart - plataforma global usada por Karla, Milene e milhares de outras empreendedoras para criação e comercialização de produtos digitais - a demanda por conteúdos relacionados aos temas da parentalidade, criação de filhos e família cresceu 55% em 2020. Entre aqueles de maior interesse estão conteúdos ligados à alimentação, sono, gravidez e amamentação.
 

"O mercado de produtos digitais tem sido muito procurado não apenas por mães, que buscam outras maneiras para aprender mais sobre temas que as motivam, como também por especialistas que desejam transformar seus conhecimentos em um negócio online, ajudando outras mulheres e seus filhos em suas jornadas", afirma Nathalia.
 

Segundo a VP, empreender na internet, assim como em qualquer negócio, apresenta desafios, mas com planejamento e dedicação é possível colher frutos. "Para muitas mães, empreender não é uma escolha, e sim uma necessidade. Por outro lado, o empreendedorismo digital pode ser um grande aliado - principalmente por apresentar baixo custo de produção, flexibilidade de horários e crescimento exponencial", ressalta.
 

Atualmente, a Hotmart contabiliza 26 milhões de usuários, mais de 370 mil produtos cadastrados em sua plataforma e escritórios na Holanda, Brasil, Espanha, México, Colômbia, Estados Unidos, França e Reino Unido.

Casarão 17 realiza Semana de Moda, Arte, Cultura e Gastronomia

 

O Casarão 17, que fica em um dos mais belos cartões postais da cidade, no Terreiro de Jesus, realiza de 29 de abril a 2 de maio, das 11h às 19h, a Semana de Moda, Arte, Cultura e Gastronomia e se consolida como um dos primeiro Fun Clubs da cidade. No Casarão 17 estarão à venda roupas, acessórios e artigos de moda, com produtos de bazar, lançamentos para o Dia das Mães e promoções exclusivas de marcas como Havaianas, Cia Marítima, Santa Bata, Colcci, Lady Mary e Leila Daltro; haverá também, numa oportunidade única, a venda das obras de arte de artistas visuais baianos, que têm ateliês no Pelourinho, Bida, Arléo e Luiz Folgueira; os serviços turísticos do Centro Histórico também estarão disponíveis pelas agências homologadas ao Casarão 17 e a reconhecida gastronomia do exclusivo Café Restaurante Mariposa Pelourinho oferecerá um cardápio especial e ficará responsável por toda organização da ação.

A Semana de Moda, Arte, Cultura e Gastronomia do Casarão 17, além de ser uma excelente oportunidade para realizar compras para o Dia das Mães, é um bom momento para sair de casa e visitar um lugar que segue todos os protocolos de prevenção à Covid-19, reconhecidamente seguro pelos órgãos da Prefeitura e que oferece no mesmo lugar gastronomia, arte, moda e entretenimento. Um local de pura diversão e com toda facilidade de acesso aos estacionamentos e conforto para trasladar os visitantes em Carro Elétrico Temático.

Instagram @casarao17

Mesmo com pandemia, segmento de franquias de Saúde, Beleza e Bem-Estar cresce


 

O balanço consolidado realizado pela ABF - Associação Brasileira de Franchising revela que o setor de franquias manteve sua curva de recuperação no 4º trimestre de 2020, se aproximando dos níveis pré-Covid-19. A retomada gradual da atividade econômica, as medidas de estímulo e a melhora nos índices de confiança empresarial e do consumidor devem incentivar novos negócios por parte de profissionais em busca de alternativas de renda e investidores, visando retornos financeiros mais altos.
 

Em 2020, mesmo com todas as dificuldades, um dos segmentos que mais chamou a atenção foi o de Saúde, Beleza e Bem-Estar por apresentar um bom desempenho no faturamento. Segundo a entidade, o segmento registrou desempenho positivo, de 5,4% no 4º tri e de 3,1% no ano.
 

O segmento de Saúde, Beleza e Bem-Estar foi beneficiado pelo fato de haver uma demanda ainda reprimida, pela decisão de parte dos pacientes em aproveitar a quarentena para realizar procedimentos mais invasivos, a acentuação do desejo de bem-estar mesmo em um contexto tão delicado e o redirecionamento de recursos que seriam utilizados para outros fins, como viagens e outras atividades sociais restritas nesse período.
 

"As franquias de Saúde e Beleza demonstraram grande resiliência e agilidade. O conhecido ‘efeito batom’ demorou um pouco mais a aparecer, mas se fez presente. De qualquer forma, apenas ele não explica o desempenho dessas franquias. Sim, o consumo de substituição e de gratificação foram importantes, mas as franquias deste segmento também fizeram sua parte. Se digitalizaram, criaram produtos e pacotes e, acima de tudo, mantiveram o relacionamento com franqueados e os consumidores. É importante destacar também o crescimento de serviços essenciais por meio do franchising, como odontologia, oftalmologia, clínica geral e cuidados com idosos que tiveram mais uma vez seu valor e potenciais reconhecidos mesmo com o mercado passando por tantas transformações", afirma Thais Ramos, coordenadora do Comitê de Saúde e Beleza da ABF.

Receitas com Cacau: você pode vender ou preparar para sua família

 


O cacau é um dos principais ingredientes da produção do chocolate, e poucos sabem que o alimento é rico em em flavonoides, poderoso antioxidante que evita o envelhecimento precoce. Além disso, o grão é fonte de vitaminas e minerais, como o potássio, cobre, cálcio, magnésio e ferro, um alimento pra lá de saudável! Para mostrar a versatilidade do ingrediente, a Ana Conceição, personal chef criadora da marca "Tempeiro de mãe", cadastrada no GetNinjas, aplicativo de contratação de serviços, selecionou três receitas que levam pó de cacau em sua composição e que prometem agradar todos os gostos, confira:

Pão de mel:

Ingredientes massa:
- 1/2 xícara de chá de mel;
- 2 ovos;
- 2 xícaras de chá de açúcar refinado ou açúcar mascavo, se preferir;
- 2 xícaras de chá de leite;
- 2 colheres sopa de margarina;
- 1 colher de sobremesa de cravo em pó;
- 2 colheres de sobremesa de canela em pó;
- 1 colher de sopa de cacau em pó;
- 3 xícaras de chá de farinha de trigo;
- 2 colheres de sobremesa de bicarbonato de sódio;
- ½ quilo de doce de leite para rechear o pão de mel.

Ingredientes cobertura:
- 1 barra de 1kg de chocolate fracionado meio amargo;
- Papel-manteiga para escorrer os pães de mel.

Modo de preparo da massa:
Bata todos os ingredientes no liquidificador até obter uma massa uniforme
Desligue o liquidificador e acrescente a canela, o cravo e o cacau em pó;
Bata bem a mistura novamente no liquidificador;
Desligue novamente e acrescentar a farinha de trigo aos poucos;
Desligue novamente e acrescentar o bicarbonato de sódio;
Unte uma forma retangular até metade da altura do recipiente, pois a massa cresce muito;
Asse de 20 a 24 minutos no forno a 180º;
Depois de frio, corte em quadrados e depois no meio para rechear com doce de leite

Modo de preparo da cobertura:
Derreta uma barra de 1 kg de chocolate no banho-maria por 4 minutos;
Com a ajuda de um garfo, mergulhe os pães de mel na cobertura derretida;
Dê leves batidas para retirar o excesso e coloque sobre papel-manteiga;
Após secar, pode se deliciar com a sobremesa.

Bolo de Cacau com gengibre:

Ingredientes massa:
- 1 ovo
- 3/4 xícara de água em temperatura ambiente
- 1 xícara de leite
- 3/4 xícara de óleo
- 1 xícara e meia de açúcar refinado
- 1/2 xícara de cacau em pó
- 3 xícaras de farinha de trigo
- 1 colher de café de bicarbonato de sódio
- 1 colher de chá de fermento em pó
- Raspas de gengibre

Ingredientes calda:
- 100 g de chocolate ao leite;
- 100 g de creme de leite.

Modo de preparo para a massa:
Com o auxílio de um fouet misture os ovos e todos os ingredientes líquidos;
Acrescente o açúcar, o cacau em pó, farinha de trigo, bicarbonato, raspas de gengibre e, por último, o fermento;
Misture bem até que todos os ingredientes fiquem homogêneos;
Unte uma assadeira com óleo, coloque a massa e leve para assar em forno pré-aquecido a 180 graus por aproximadamente 40 minutos.

Modo de preparo da calda:
Derreta o chocolate em banho maria e adicione o creme de leite;
Misture bem os ingredientes e coloque sobre o bolo quando já estiver frio.

 

Evento on line: Mulheres se unem para convocar mulheres que perderam seu trabalho na pandemia

Mais de 8,5 milhões de brasileiras perderam seus trabalhos durante a pandemia. Além das mulheres serem a maioria no quadro de demissões, milhares consideram desacelerar suas carreiras ou deixar o mercado de trabalho em função da jornada dupla junto às atribuições da casa e da maternidade 

O "Café com Mentoria" será um evento 100% online e gratuito dentro de uma plataforma fechada para garantir ambiente de confiança, proximidade e intimidade entre as mentoras e as inscritas. Foi desenhado para as mulheres poderem ouvir e serem ouvidas por convidadas inspiradoras em suas trajetórias. 

Haverá momentos de palestras, trocas e mentorias ao vivo, com mulheres referências em suas áreas de atuação, como: Rafa Brites, jornalista, escritora do livro Síndrome da Impostora; Dilma Campos, CEO da Outra Praia, e Caroline Marcon, desenvolvedora de pessoas e coach de altas executivos, formada na Columbia University. 

Além disso, o Padre Fábio de Melo, embaixador do Projeto Florada, irá realizar o fechamento do evento com suas reflexões profundas, que costumam ter alto engajamento entre mulheres e frequentemente tem seus pensamentos compartilhados por elas nas redes sociais. 

As inscrições são gratuitas, com vagas limitadas, e estarão abertas a partir do dia 8/3, Dia Internacional da Mulher, para todas as mulheres que perderam seu trabalho na pandemia. 


Dois grandes projetos que valorizam as mulheres se uniram para oferecer mentoria gratuita por meio da iniciativa "Café com Mentoria", que é fruto da parceria entre a 3 Corações e seu premiado Café Florada, exclusivamente produzido por mulheres produtoras de cafés especiais, e a Todas Group, plataforma digital que acelera carreiras femininas. 
Serviço: 

Café com mentoria - com a participação de Rafa Brites, jornalista, escritora do livro Síndrome da Impostora; Dilma Campos, CEO da Outra Praia, e Caroline Marcon, desenvolvedora de pessoas e coach de altas executivas, formada na Columbia University e encerramento do Padre Fábio de Melo. 
Data: 28 de março a partir das 16 h 
Inscrições gratuitas: todasgroup.com.br/cafementoria

Como fazer um planejamento financeiro familiar? Veja 8 passos para não errar

 

Em momentos de crise é fundamental a união das famílias para passar por esse momento da melhor forma possível e, em relação às finanças não é diferente. Para Reinaldo Domingos, educador financeiro do canal Dinheiro à Vista, o melhor caminho para um adequado planejamento financeiro familiar é envolver todos, em busca de propósitos maiores, os sonhos. 
 

"As famílias planejadas passam melhor por imprevistos. Conversando é possível fazer até as crianças entenderem as necessidades, auxiliando a vencer as dificuldades e construindo um caminho mais próspero financeiramente. Mas, é fundamental que todos estejam à vontade para falar do tema, assim, não se deve chamar uma reunião para cortar gastos, mas sim para realizar sonhos e propósitos", explica Reinaldo Domingos. 
 

Assim, uma importante orientação é buscar falar sobre dinheiro em um ambiente agradável. É possível usar planilhas e folhas de anotações, mas o mais importante é a conversa, conhecer melhor a família, isso fará a diferença na hora de organizar as finanças e ‘blindar’ o dinheiro. 
 

Para simplificar o caminho, o educador financeiro elaborou um passo a passo para colocar em prática: 
 

1- Fale com a família 

Sente e converse com todos os integrantes da família, inclusive as crianças, para falar sobre os sonhos e propósitos individuais e coletivos. Esse é um passo muito importante para mudar a forma como a família lida com o dinheiro, passando a entender que ele é um meio para realizar sonhos. Viajar, trocar de carro, casa ou sair das dívidas são objetivos a serem considerados. 
 

2- Pesquise os sonhos 

Procure saber quanto custam e fazer cotações até achar a melhor possibilidade de preços para realizá-los. Assim você tomará os primeiros passos para realizar sonhos, seus e de sua família. Isso é o planejamento, agir com antecedência; 
 

3- Coloque no papel 

Coloque no papel os compromissos dos próximos 12 meses, como datas comemorativas, pagamento de impostos (IPVA e IPTU), matrícula e material escolar, etc. Registre o valor previsto a ser gasto com cada uma dessas atividades e também com os sonhos. Claro, os números podem mudar no meio do caminho, mas é importante já ter uma ideia para se programar; 
 

2- Anote as parcelas 

Caso tenha parcelas de compras feitas anteriormente, elas também devem estar registradas nesse planejamento, para fazer parte do orçamento financeiro dos meses seguintes; 
 

5- Poupe dinheiro 

Guarde dinheiro para cada sonho simultaneamente e escolha o melhor investimento de acordo com o prazo de realização de cada um. Para os de curto prazo (até um ano), coloquei na caderneta de poupança, para os de médio prazo (de um a dez anos), no CDB, Tesouro Direto, fundos de investimento, aos de longo prazo (acima de dez anos), Tesouro Direto, previdência privada e ações são boas opções; 
 

6- Reduza despesas 

Faça um diagnóstico financeiro, ou seja, anote tudo o que for gasto ao longo de um mês, separando as despesas por categorias (energia elétrica, água, alimentação, combustível, telefone, etc.), para saber onde exatamente se pode diminuir ou até mesmo cortar. Acredite, todos nós temos, pelo menos, 20% de desperdício ou exagero nas contas. Assim também saberá como está gastando cada centavo do dinheiro; 
 

7- Não fale de corte, fale do sonho 

Em vez de criticar a família, quando ocorrem desperdícios, por exemplo, busque apontar a mudança como algo positivo, isso trará a família para caminhar junto. Fale que sempre que se economiza está um pouco mais perto da realização dos sonhos e propósitos. Um discurso diferente muda tudo! 

Quarta, 13 de Janeiro de 2021 - 09:05

Futuro do trabalho: 2020 foi o ano da digitalização e 2021 é o ano da humanização

por Por Natasha de Caiado Castro

Futuro do trabalho: 2020 foi o ano da digitalização e 2021 é o ano da humanização

 

Antes da pandemia, o senso comum acreditava que os escritórios eram essenciais para a produtividade e, por isso, grandes empresas investiam em locais de primeira linha nos principais centros urbanos do mundo. Muitas, inclusive, se concentravam em soluções que promoviam a integração entre as pessoas com espaços para que os funcionários pudessem relaxar durante suas pausas e com projetos de escritórios abertos. 

Quando a pandemia se instalou, muitas pessoas ficaram surpresas com a rapidez e eficácia com que foram adotadas tecnologias para videoconferência e outras formas de colaboração digital. Para muitos, os resultados foram melhores do que se imaginava, pois a produtividade ganhou bastante sem a necessidade de locomoção. 

Agora, mais de oito meses se passaram desde que a Organização Mundial da Saúde declarou a Covid-19 uma pandemia, trabalhar em casa se tornou algo corriqueiro para muitos e, cada vez mais, um número crescente de empresas vem estudando a possibilidade de manter este formato indefinidamente. Do ponto de vista do funcionário, a mudança também foi enorme: as pessoas estão fazendo novas escolhas sobre onde querem viver e criando novas expectativas sobre flexibilidade, condições de trabalho e de qualidade de vida que, muito provavelmente, não poderão mais ser desfeitas. 

Portanto, se 2020 foi o ano em que percebemos ser possível trabalhar de qualquer lugar graças à digitalização dos processos, 2021 será pautado pela forma com que as corporações acolhem seus funcionários para muito além das ferramentas que os permite serem produtivos e alcançarem bons resultados. O próximo ano será focado na humanização das relações de trabalho. 

Nestes tempos de incerteza, a forma como as empresas estão agindo terá um impacto duradouro no comportamento dos funcionários, incluindo em seu engajamento, produtividade, lealdade e ainda: sua saúde e bem-estar. 

Eis alguns pontos de partida que ajudarão a sua empresa a se comprometer com seus colaboradores de forma mais humanizada: 

Ofereça flexibilidade de horários 

Alguns de seus funcionários podem ter responsabilidades adicionais durante esse período já que escolas e creches fecharam em muitos locais, sendo assim, está mais difícil conciliar as tarefas pessoais com as profissionais. Se a função do colaborador permitir, considere oferecer horários flexíveis. Esta mudança pode ajudar a reduzir o nível de estresse de seus funcionários, permitindo que cuidem de suas necessidades, agendando horas de trabalho em horários compatíveis com suas responsabilidades pessoais. Esta atitude sinaliza que a empresa respeita suas vidas pessoais tanto quanto valoriza suas contribuições profissionais. 

Mantenha as linhas de comunicação abertas com as equipes 

É possível que muitos funcionários remotos não se sintam envolvidos com a empresa devido a uma cultura de comunicação apenas por e-mail. Essa ideologia torna a interação complicada e muito menos pessoal do que mensagens diretas e bate-papo por vídeo. Considere iniciar um grupo de bate-papo para que todos possam falar livremente a qualquer momento. Você também pode se comunicar com sua equipe por vídeo pelo menos uma vez por semana.

Ofereça feedbacks 

Pesquisadores do Instituto Gallup estudaram o comportamento humano por décadas e descobriram que valorizar os pontos fortes dos funcionários dando-lhes feedbacks positivos é uma abordagem muito mais eficaz do que se fixar nos pontos fracos. Infelizmente, a maioria dos gestores se concentra em dar feedbacks apenas dentro do contexto corretivo. Ao contrário do que a maioria acredita, o feedback positivo não significa apenas reconhecer o seu esforço para fazê-los sentir-se bem. Embora esses sejam fatores importantes, há muito mais do que isso: funcionários que recebem feedback positivo e eficaz regularmente são mais engajados, produtivos, permanecem mais tempo na empresa e apresentam maior lucratividade. 

Incentive a colaboração e um senso de comunidade 

Uma das melhores maneiras de humanizar seu local de trabalho é construindo um senso de comunidade. Se as pessoas sentem que pertencem a algo maior, é mais provável que se envolvam na colaboração da equipe e nas atividades coletivas e, às vezes, coisas simples também funcionam muito bem. Por exemplo: você pode começar criando um calendário de aniversários nos documentos da empresa e reunindo a equipe em uma rápida chamada por vídeo para cantar parabéns para o aniversariante do dia. 


Se preocupe com saúde mental dos colaboradores 

Em um mundo que se tornou virtual da noite para o dia, muitas vezes a ansiedade toma conta e, por isso, pensamentos e sentimentos negativos podem acontecer com frequência. De acordo com a Organização Mundial de Saúde, globalmente, estima-se que 264 milhões de pessoas sofrem de depressão e, muitas delas, também possuem sintomas de ansiedade. Os locais de trabalho que promovem a saúde mental e apoiam as pessoas com transtornos mentais têm maior probabilidade de reduzir o absenteísmo, aumentar a produtividade e se beneficiar dos ganhos econômicos associados. 

*Natasha de Caiado Castro é CEO da Wish International, empresa especializada nos segmentos de MICE - Meetings, Incentives, Conventions and Exhibitions - e IDX - Innovation and Disruptive Experience 

Histórico de Conteúdo