Quinta, 09 de Agosto de 2018 - 14:00

Veja dicas para transformar a decoração da sua varanda

Veja dicas para transformar a decoração da sua varanda
Foto: Reprodução / Pinterest

A varanda costuma ser um lugar aconchegante da casa onde você pode ficar na rede, ler um livro, ouvir música ou até bater um papo com as visitas. Além disso, a depender do objetivo, esse cômodo pode ser um bom local para ventilação do ambiente. Para dar mais personalidade a decoração da sua varanda, confira as dicas:


UTILIZE A ÁREA COMO JARDIM

Plantas são ótimas opções para decoração da varanda. Além de trazer mais vida ao ambiente, cuidar delas proporciona momentos relaxantes e contato com a natureza. Uma alternativa é a horta vertical, que é perfeita para espaços menores. Basta escolher uma parede que receba boa incidência de luz solar para colocar os vaso

 

ESCOLHA MOVÉIS DE MADEIRA

Móveis feitos com materiais naturais, como a madeira, funcionam muito bem nas varandas. Podem-se utilizar espreguiçadeiras e mesinhas ou até mesmo construir um deck de madeira para o piso. Almofadas coloridas contrastam bem com esses itens e trazem mais energia para o ambiente.

 

O ESPAÇO PODE SERVIR DE ESCRITÓRIO

Sem espaço para o escritório? Utilize a varanda! Para isso, é preciso, essencialmente, de uma mesa, uma cadeira confortável e tomadas disponíveis para o computador, a impressora e o telefone. Também é possível fechar a área com grandes janelas de vidro. Assim, a vista será mantida e o excesso de ruído será evitado.

 

VARANDA COMO SALA DE JANTAR

Uma excelente forma de transformar a varanda em um espaço aconchegante é usá-la como sala de jantar. Já imaginou fazer todas as refeições aproveitando a vista, como se estivesse ao ar livre? Sem contar o fato de que a mesa e as cadeiras ficarão em uma área separada da sala de estar. Caso o local seja mais compacto, mesas redondas e bancos no lugar de cadeiras com encosto são mais adequados.

 

Terça, 07 de Agosto de 2018 - 08:05

Decor no lavabo revela a hospitalidade da casa

Decor no lavabo revela a hospitalidade da casa
Foto: Divulgação

Um lavabo confortável e bonito, que dispõe de um design elegante, é sinônimo de um lar acolhedor, hospitaleiro e deve transmitir a personalidade do morador, sendo possível explorar diversos estilos, desde o mais clássico até ao rústico. É importante deixar a criatividade fluir, mas sempre com cuidado para não cometer exageros, por isso, é recomendado o aconselhamento com um profissional antenado e versátil.

 

O arquiteto Marcelo Rosset, especialista em projetos ricos em personalização, apresenta dicas para quem deseja transformar essa pequena parte da casa!

 

Para conferir um ar mais moderno, criar composições que remeta a atmosfera industrial é uma ótima opção! Neste caso, a aplicação da madeira, com tijolinhos e o cinza do piso, produziu este efeito.

 

 

 

Em clima de descontração, a combinação de cores cria um décor divertido e moderno.

 

 

Linhas retas e suaves, tons mais claros, e grandes espelhos, são bons métodos para criar um ar contemporâneo, cheio de estilo. O uso de persianas ajuda a esconder uma janela que não beneficia o ambiente.

 

 

 

Clean e com elementos dispostos de forma harmônica, este espaço possui a cuba toda feita em vidro preto, com uma torneira que vem desde o piso. O espelho foi colocado em um chassi de madeira com iluminação. Simples e sofisticado.

Aprenda a montar um terrário de suculentas para decorar a sua casa
As suculentas necessitam de pouca água | Foto: Reprodução / Pinterest

Práticos, versáteis e bonitos, os terrários são uma ótima opção  para dar um toque especial na decoração de qualquer ambiente, além de serem ideais para quem gosta de plantas mas não tem muito espaço ou tempo disponível. Confira o passo a passo de como montar um terrário de suculentas em casa:

 

Montagem

O processo de montagem é simples e exige um recipiente de vidro com ao menos uma face translúcida, areia de rio sem sal, granilha de cores diversas, casca de árvore, terra vegetal, pedras decorativas e mudas energizadas, além de um borrifador de água e uma colher ou pá pequena.

 

O primeiro passo é colocar uma camada de granilha para a drenagem, podendo misturar as cores para decorar, em seguida deve-se colocar uma camada de areia de rio para firmar a granilha e garantir a areação das raízes, depois disso é o momento de adicionar a terra ou substrato para receber as suculentas, espalhando-os em pequenos montes e pressionando para formar uma camada inclinada ou irregular.

 

 

Acabamento

Finalizada a montagem da camada, é hora de plantar as mudas de suculentas. O ideal é abrir um buraco do tamanho da raiz da muda com o auxílio de uma colher ou pá pequena, posicionando as raízes com cuidado. O acabamento pode ser feito com a casca de árvore, pedras decorativas ou outros materiais de preferência. Para finalizar deve-se usar o borrifador para retirar o material que ficou grudado nas mudas e umedecer a terra. Com o terrário pronto, basta escolher um local iluminado e regar semanalmente com um borrifador diretamente na terra

A decoração como uma aliada na educação das crianças

Um quarto do tamanho dos seus filhos, que cresce junto com ele e ajuda a engajá-lo nas atividades gerais da casa. Parece um sonho? Mas não é, essa é basicamente a proposta do método Montessori de arrumação do quarto dos bebês e crianças. Uma organização com as coisas para idade da criança, sempre na altura ideal.

O método de educação Montessori foi desenvolvido pela italiana Maria Montessori. Alguns sites voltados para ajudar as mamães destacam que esse método não pode ser confundido com liberdade, mas sim com autodisciplina.

É bom lembrar que Montessori chamou os três primeiros anos de vida da criança de a fase absorvente, ou seja, tudo que está ao redor ela tem a capacidade de aprender.

No site “O Que Fica”, uma mãe relata que sua filha nunca se deu bem com o berço, e ela fez a adaptação do quarto quando ela tinha 1 ano e 3 meses.

 

 

Aos poucos ela foi montando o quarto na altura da criança, começou pelo móvel de brinquedo, em seguida colocou o colchão no chão para dar mais espaço, priorizando a segurança. Ela conta que amou as descobertas com o Montessori.

Uma outra dica do site “Toca Lola” é criar o espaço das artes, com cadeira, lápis, pincéis, tintas e tudo mais para a recreação dos pequenos.

 

Cor, móveis e objetos são chave para a otimização de ambientes pequenos
Foto: Reprodução / Pinterest

Atualmente a maioria dos novos apartamentos são de estrutura pequena em um todo, isso acontece devido a mudança de vida e cotidiano da população. Apesar dos ambientes pequenos, existe a possibilidade de realizar ótimas decorações e aproveitamento de espaço. “Muitas vezes, ao se deparar com o local, o morador tem vontade de inserir muitas coisas e não aproveitar o que temos, por isso é importante a presença de um profissional para auxiliar no projeto”, indica a arquiteta Elaine Benedetti.

 

De acordo com Elaine, a escolha das cores nos ambientes é de suma importância. “Usar tons claros nas paredes e pisos colabora para uma harmonia e extensão do local”. Apesar disso, a dica para quem gosta de tons mais coloridos, é usá-los nos objetos de decoração, “Enfeites, almofadas e itens que podem destacar o ambiente e até mesmo serem substituídos em determinados momentos são peças chaves também”, ressalta.

 

Além da cor, outro ponto é investir em ambientes integrados, que possibilitam uma melhor utilização do espaço e otimizam o mesmo. Isso inclui peças que colaboram, como a utilização de espelhos, que também propõe a ampliação dos cômodos.

 

A utilização de móveis muito grandes também pode barrar a locomoção e amplitude do imóvel. “A dica é investir em móveis funcionais que ocupam menos espaço, são funcionais e ainda colaboram para o aconchego e modernidade”, revela a arquiteta. “Vale ressaltar que sempre é possível investir no seu sonho de decoração, mas com as orientações adequadas, o local pode ficar muito melhor aproveitado do que se imaginava”, finaliza a arquiteta.

Quarta, 25 de Julho de 2018 - 08:50

Iluminação certa para um ambiente mais confortável

Iluminação certa para um ambiente mais confortável

 

Por cerca de doze horas, a maioria das cidades brasileiras desfruta de iluminação natural. Por mais que os projetos de arquitetura e interiores inovem em soluções para aproveitar ao máximo a luz solar, o crepúsculo inevitavelmente há de chegar. O inverno, por sinal, antecipa o anoitecer. Como passamos a maior parte do dia longe de casa, é durante a noite que desfrutamos o aconchego do lar para descansar e recarregar as energias.

O momento pede luzes suaves e acolhedoras que não incomodem a já cansada visão. As luminárias de piso oferecem um ponto de luz versátil com design leve e elegante. Além de auxiliar a leitura de um livro no conforto do sofá ou da poltrona, elas também podem preencher pequenos espaços vazios criados pelo mobiliário, permitindo alterná-las com mesas laterais ou outros objetos.

Confira algumas peças de diferentes que podem dar destaque aos ambientes:

 

 

Como criar ambientes interativos e seguros para as crianças
Foto: Divulgação

Projetar espaços voltados para as crianças requer criatividade, que lhes ofereça autonomia e, claro, muita segurança. Seja o quartinho de dormir, a brinquedoteca ou mesmo uma loja comercial voltada para o público infantil, estes ambientes precisam, além de muita vivacidade, cuidados extremos para que os pequenos possam aproveitá-los da melhor maneira possível.

 

 

Segundo a psicóloga e designer de interiores Fabiana Visacro, ao criar um espaço infantil, a prioridade é pensar na segurança, além da praticidade para manter o ambiente limpo e conservado, investindo em um material adequado. “Entre os pisos considerados mais práticos para limpeza estão o piso vinílico e o porcelanato. Considerando que o porcelanato é um piso mais frio e as crianças gostam de brincar no chão, o ideal é usar o vinílico, que além de prático é mais quentinho. O piso emborrachado é também uma boa opção. O ideal é que todos os móveis como mesinhas, cadeiras, instalação da TV, sejam proporcionais à altura de quem vai usar o espaço”, indica.

 

As designers de interiores Linda Martins e Cris Araújo, do escritório Maraú Design Studio, também são adeptas do uso de piso vinílico nos espaços infantis e ressaltam que, além da beleza, utilizar um mobiliário lúdico e confortável é essencial para estes ambientes. “Móveis com cantos arredondados e pisos vinilicos trazem conforto térmico e acústico aos ambientes. As cores e texturas, por exemplo, têm papel fundamental em projetos infantis, pois as crianças precisam de incentivo visual e, assim, podemos ousar bastante, tirando o máximo proveito disto”, revelam.

 

 

Ao se tratar de cores e texturas, Fabiana Visacro, explica que estas estão entre as primeiras formas de se expressar da criança, antes mesmo de aprender a falar e, por isso, são fundamentais no espaço infantil. “Antes de pronunciar qualquer palavra, muitas crianças já estão brincando com massinhas coloridas, lápis de cor e tintas. É sabido que cada cor tem um significado importante, que contribui para despertar nas crianças características como mobilidade, tranquilidade, concentração e energia. Já o toque, representado pelas texturas, também é muito importante, pois desperta sensações importantes para determinada criança que ainda pode não estar totalmente madura, possibilitando que ela consiga verbalizar certos sentimentos. O toque aveludado, por exemplo, pode dar aquela sensação de carinho gostoso”, aponta. 

Terça, 17 de Julho de 2018 - 14:20

Grafite e arte nos espaços Casacor São Paulo

Grafite e arte nos espaços Casacor São Paulo

 

Criado na década de 1970, o grafite se tornou muito popular não só como uma manifestação artística para as ruas, como tomou espaço em projetos de arquitetura e decoração particulares. Na 32a edição da CASACOR São Paulo, é possível admirar esta arte em ambientes de profissionais renomados, que buscaram valorizar o grafite inserindo-o em projetos modernos e autorais.


É o caso da Casa do Escritor, de Jóia Bergamo. A profissional resolveu integrar à decoração uma pintura retratada pelo renomado artista plástico e muralista Camilo Rodrigues que interage a imagem de um escritor em uma época de transição entre a escrita manual, em que ele usa o bico de pena, para a máquina de escrever.

.


No espaço Paisagens de Luz, do Plantar Ideias, foi criado um grafite cinético, com uma mistura de cores que parece se movimentar e mudar de tons com o passar da luz do dia, com a ajuda de lâmpadas de LED. Assinado pelo artista Bieto, esta obra se estende pela parede e segue até dentro do espelho d'água.

No espaço Praça CASACOR, de Catê Poli e João jadão, temos dois grafites pintados com spray e stencil pelo artista plástico Arnaldo Degasperi: um escaravelho, símbolo egípcio sagrado, em uma das casinhas; e uma libélula, no pergolado. Além de imprimir um toque fashion e descolado ao espaço, a ideia dos paisagistas com os grafites dos insetos foi compor um ciclo vivo de um jardim.

Esta arte urbana também invade as cabines do WC No Gender, de Lissandro Piloni. Cada cabine recebeu uma intervenção com cores vibrantes e puras, criada por Mena e Rafael Zoli. Os grafites propõem uma reflexão sobre o corpo humano, objeto de inspiração do arquiteto, que propõe um espaço livre de estigmas e que abraça a diversidade e a aceitação pessoal.

A Casa Sustentável, de Larissa Oliveira e Gabriela Lotufo, ganhou uma obra na fachada do artista Marcos Baru. O artista partiu do tema da mostra – A Casa Viva – e automaticamente remeteu ao seu tema principal de trabalho, a água. "Fonte natural tão importante e que cada vez mais preocupa a todos, o painel veio com um objetivo muito maior do que simplesmente "decorar": trazer ainda mais o tema "ÁGUA" para dentro da Casa Sustentável e alertar todos os visitantes da importância da sua preservação", comenta.

A 32ª edição da CASACOR São Paulo acontece até o dia 29 de julho, no Jockey Club de São Paulo.

Serviço: CASACOR São Paulo

De 22 de maio e 29 de julho

Terça a sábado, das 12h às 21h - Domingo, das 12h às 20h

Jockey Club de São Paulo – Avenida Lineu de Paula Machado, 875

De terça a quinta-feira: Ingresso inteiro: R$ 60/Meia entrada: R$ 30

De sexta a domingo e feriados: Ingresso inteiro: R$ 76/Meia entrada: R$ 38

Passaporte Único: R$ 180

Valet: R$ 35

Sobre a CASACOR

Empresa do Grupo Abril, a CASACOR é reconhecida como a maior e melhor mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo das Américas. O evento reúne anualmente prestigiados arquitetos, decoradores e paisagistas. Em 2018, são 17 praças nacionais: São Paulo, Bahia, Brasília, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Rio de Janeiro, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraíba, Paraná, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Santa Catarina (Florianópolis e Itapema) e, pela primeira vez, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. A mostra acontece ainda em quatro praças internacionais: Bolívia, Estados Unidos, Paraguai e Peru.

Gucci lança nova coleção de decoração usando ilustrações
Foto: Divulgação

A marca italiana lançou a sua nova linha decorativa com uma grande variedade de peças, que incluem mobília, almofadas, bules, castiçais, canecas e até porta-incensos. Segundo o site da revista Elle, além dos diferentes tipos de itens, foram pensadas várias estampas e texturas. Dentre elas, tigres, cobras, escaravelhos, símbolos místicos, florais retrô e o monograma da grife. Além disso, a marca inovou listando os lançamentos no site oficial usando ilustrações do artista Alex Merry para divulgar as peças. A coleção pode ser vista no site da Gucci (acesse aqui).

 

 

 

Quarta, 11 de Julho de 2018 - 08:05

Flores decorativas em diversos ambientes da casa

por Rafaela Souza

Flores decorativas em diversos ambientes da casa
Foto: Reprodução / Pinterest

Decorar a casa com flores é algo muito comum. Afinal, qualquer ambiente florido ganha automaticamente um ar mais alegre e aconchegante. De acordo com a paisagista Guiomar Nabuco, as clientes costumam falar que a presença das flores dá vida às suas casas. “Todas as flores carregam uma energia positiva e isso se reflete nos lugares. Só as cores delas já dão outra cara”, destaca.

 

Para ela, a tendência do momento é usar arranjos com flores tropicais, como as helicônias. As flores tropicais vão bem não só em ambientes residenciais, mas também nos corporativos e em festas. Além de precisarem de poucos cuidados, elas dão um aspecto vibrante. A paisagista ainda sugere que as flores sejam acompanhadas de folhagens. “As helicônias são deslumbrantes e com as folhagens dá para brincar com o volume e exuberância do arranjo. É possível fazer arranjos grandes e com estrutura”, reitera.

 

 

Quando se fala em varejo, apesar do momento de crise, o gerente da Holambelo Flores e Plantas, Edmaldo Silva garante que a procura de flores ocorre durante o ano todo. “Mesmo com as dificuldades, o  mercado é promissor e crescente”, afirma. O gerente conta que as orquídeas saem na frente quando os clientes querem decorar a casa. Até porque são muitas espécies e os valores variam de acordo com elas, a queridinha é a Phalaenopsis. A unidade pode custar de R$45 até R$120 a depender da espécie.

 

Já as rosas são mais vendidas nas datas comemorativas. Outro detalhe importante na decoração das flores é a escolha do vaso. Os mais usados são os de vidro e de porcelana branca. Eles dão um visual mais clean e combinam com diversos tipos de flores. Confira as dicas do BN Mulher:

 

Ambientes coloridos pedem arranjos mais simples. A ideia é que as flores não briguem com o resto da decoração.

Os arranjos tem sempre lugar garantido na sala de estar

A decoração com flores também pode ser explorada nos banheiros e lavabos dando um visual mais colorido ao ambiente.

É preciso colocar as flores em locais arejados e que recebam iluminação natural.

Histórico de Conteúdo