Quinta, 16 de Julho de 2020 - 08:05

Decorar com arte: amores emoldurados!

por Iga Bastianelli

Decorar com arte: amores emoldurados!


A Minart é um e-commerce de arte digital reativado recentemente por Marcela Cordier e o namorado Tiago Rios no último mês de abril, em plena pandemia do Covid-19. Ao invés de reclamar das dificuldades geradas pela crise, o casal arregaçou as mangas e entendeu que era o melhor momento para lançar novos produtos que pudessem reforçar sentimentos de união, principalmente neste momento de ausência de afetos físicos. A Minart, que é a simplificação de “minha arte minimalista”, foi criada em 2016 por Tiago Rios que resolveu fazer desenhos sobre os filmes que gostava. Daí surgiu o negócio: imprimir, emoldurar e vender esses desenhos. O e-commerce foi criado naquela época, mas por alguns motivos acabou ficando em segundo plano, até que o início da pandemia motivou o casal a reiniciar as atividades.  

A Minart funciona da seguinte forma: o cliente acessa a galeria de fotos no Instagram (@lojaminart), escolhe uma das linhas de quadros e faz a solicitação do pedido via link da bio ou por direct. “Assim que recebemos a solicitação, entramos em contato para ajustar os detalhes do quadro. Então criamos a arte, passamos para aprovação do cliente e a partir daí damos início à produção. Num prazo de 10 (dez) dias, o cliente já recebe seu Minart em casa”, explicou Marcela.


Oportunidade na crise

E a idéia vem repercutindo muito! Este é um exemplo de que mesmo na crise existem oportunidades. “Avaliamos que nossos clientes amam os nossos produtos. Como já foi dito, nós eternizamos momentos e símbolos, ressignificando-os em forma de arte. Como são artes personalizadas, o cliente recebe justamente aquilo que ele imaginou. As vendas estão a todo vapor!”, analisou o casal.


Os modelos mais pedidos atualmente são Minart Pet e Minart Retrato. O cliente busca materializar um momento junto com quem ama, seja humano ou pet. E esse é o propósito da Minart: extrair o sentimento genuíno que reveste uma foto ou símbolo, dar o toque artístico e eternizá-lo.

Todas as vendas estão acontecendo online. “Soltando um pequeno spoiler... o site oficial já está sendo criado e ajudará ainda mais nas compras, com a possibilidade do cliente visualizar prévias do produto”. Ainda não pensamos na venda para lojas de decoração, mas estamos abertos a negociações, disse Tiago.

Casal empreendedor

A Minart foi criada de forma intuitiva. Marcela Cordier tem 25 anos, é formada em Engenharia Civil e Design de Jóias pela Escola Panamericana de Arte e Design, diretora da Cordier Jóias, outro e-commerce. Tiago Rios é formado em Direito pela UFBA e atua como advogado, tem um espírito criativo e geniosidade artística.

 


Para o casal um dos ensinamentos que a pandemia vem reforçando é justamente o de se valorizar o que mais importa: a família, namorado(a), amigos, pets etc. Assim, a Minart surge como uma forma de materialização e exposição desse sentimento, incorporando-se à decoração da casa.

Sonho de expansão

“Apesar de já termos vendido alguns Minarts para fora da Bahia, ainda não temos muita abrangência nacional. Porém, esse é o nosso objetivo: fazer com que o trabalho seja reconhecido no país, eternizando o máximo de símbolos, momentos, pessoais e pets na forma de arte”, sonha Marcela e Tiago imaginando a expansão do negócio.

Redes sociais: 
Instagram: @lojaminart 
Facebook: facebook.com/lojaminart

Segunda, 06 de Julho de 2020 - 18:05

Como inovar sem errar na decoração do banheiro?

Como inovar sem errar na decoração do banheiro?

 

Algumas pessoas costumam sentir um certo receio na hora de planejar a decoração do banheiro, isso porque não querem, no futuro, se arrepender de terem escolhido um item, uma cor, ou até mesmo toda a proposta de décor. Para ajudar neste processo, o arquiteto Leandro Neves, parceiro da Ideia Glass listou algumas ideias atemporais e versáteis para apostar sem medo no cômodo. Veja a seguir! 

REVESTIMENTOS COM PEDRAS 

Os revestimentos nas paredes são um dos itens de grandes destaque do banheiro, que possibilitam dar o visual desejado ao ambiente. 

"Acredito que as pedras como mármore, granito, quartzo, entre outras opções, são bastante atemporais, além de proporcionarem um visual bonito e moderno", indica Leandro. O profissional reforça que o ideal é utilizar esse tipo de material em apenas um espaço do banheiro para não sobrecarregar o visual do cômodo. 

CUBA DA PIA SOBREPOSTA 

Segundo o arquiteto, a pia além de um item funcional, pode ser um ponto que agrega beleza na decoração do banheiro. 

"Para quem deseja uma pia mais diferenciada e moderna, mas que não deixe de ser tendência tão cedo, uma boa dica é utilizar um modelo de cuba sobreposta, que dará o charme necessário ao espaço", conta Leandro. 

MÓVEIS BRANCO OU DE MADEIRA 

Para quem deseja um banheiro atemporal, a escolha dos móveis também faz toda a diferença, para que não tenha arrependimentos futuros. 

"Os móveis com design mais simples e de cores neutras ou de madeira são bastante coringas e ideais para uma decoração mais neutra, sem abrir mão da imponência necessária para o ambiente", revela o arquiteto. 

LUZES DE LED 

As luzes fazem muita diferença no banheiro, pois dão a claridade no tom desejado, ampliam o espaço e proporcionam mais aconchego e charme ao local. 

"O mercado possui muitas opções de modelos para a iluminação do banheiro, mas acredito que as luzes de led tanto em spots ou não, podem dar a modernidade necessária, sem cansar com o tempo", recomenda o arquiteto. 

 Novo olhar: tendência de casa funcional com espaços pensados para o multiuso

 

A pandemia do novo coronavírus impôs diversas mudanças de hábito, principalmente, no tocante às atividades como trabalhar, se exercitar e se relacionar. De repente, todas essas atividades precisam ser feitas num mesmo espaço, dentro de casa. Mas a grande maioria da população mundial, que já esteve ou ainda está de quarentena, sabe que conciliar todas essas atividades em casa não é tarefa fácil e de olho nessa nova forma de se organizar, arquitetos e designers apontam as novas tendências de construção e adequação dos espaços de uma casa, que agora tem novas prioridades. 

"Antes as pessoas davam atenção para a casa só aos finais de semana, agora elas estão em casa todos os dias e perceberam o que funciona ou não. O lar precisará ser pensado para o trabalho, para o lazer e para o descanso", conta Danielle Kono, arquiteta. Para ela, essa é uma tendência que vem para ficar, já que a maioria das pessoas conseguiu refletir nesse momento em como sua casa poderia estar melhor preparada para que os residentes dela pudessem ter uma maior qualidade de vida.

 
Questões de higienização e espaços pensados para isso é outra tendência que deve ser cada vez mais levada em conta nos projetos futuros. "O foco na higiene e a forma de como estamos lidando em casa vão permanecer. Agora, nós arquitetos precisamos pensar mais nos espaços em casa, já que o home office estará muito presente e o escritório, antes largado cheio de papelada, terá uso. Uma cozinha bem aproveitada com sua própria horta, uma varanda com um jardim sustentável para descanso, um hall com um móvel bacana para sapatos e assim vai", destaca a arquiteta.

 
 

Aliado a isso, tudo indica que as casas do futuro serão cada vez mais sustentáveis e inteligentes, com assistentes virtuais e equipamentos automatizados, visando conforto e praticidade. Mas, "antes de mais nada a casa precisa ser funcional e confortável", reforça Danielle, que dá algumas dicas para adaptar a casa nesse sentido, como a importância de uma boa cadeira com mesa para o trabalho, adequando a postura,

 

Para ajudar na repaginação da casa e adequação dos ambientes, a Cashback World, uma das maiores Comunidades de Compras do mundo, que oferece Cashback (dinheiro de volta) em cada compra efetuada pela plataforma, tem diversas opções de lojas com muito design criativo, objetos e móveis interessantes. Confira abaixo: 

• A loja online ecadeiras tem diversas opções de cadeiras e poltronas com muito estilo e design. O consumidor pode encontrar as cadeiras ideais para todos os ambientes e necessidades; 

• Para encontrar uma roupa de cama aconchegante e sofisticada, a Etna tem várias opções.

• Para itens de jardim e móveis diferenciados, além de artigos de decoração a Mobly uma loja de móveis online que disponibiliza tudo isso; 

• A Design up é especializada em produtos de decoração para que você possa reformar e renovar sua casa facilmente, com as últimas tendências de decor. Na Cashback World, qualquer compra na loja online da Design Up tem 2% de Cashback; 

• Outra opção muito bacana é a Casa Show um home center completo com muita variedade de produtos e qualidade; 

 

Pedras Naturais: tendência garante mais elegância aos ambientes

 

Não é de hoje que os móveis revestidos com pedras naturais ou com efeito marmorizado se destacam no mercado da arquitetura e marcenaria. A tendência, que ganhou espaço na década de 40, volta com tudo na decoração dos ambientes em 2020. 

Reunindo sofisticação, modernidade e natureza, as pedras prometem dar um ar mais elegante aos lares, combinando tanto com padrões amadeirados como aos unicolores. "O mais interessante desses revestimentos é a versatilidade. Eles podem ser usados e adaptados para diversos espaços, desde bancadas de cozinha a ambientes coorporativos", afirma Fabiane Simonetto, gerente de marketing da Simonetto. 

• PAINÉIS DECORATIVOS: 

Considerados exclusivos para cozinhas, banheiros e lavanderias ou ambientes corporativos, os painéis decorativos ampliaram suas possibilidades na decoração ao longo dos anos. Hoje eles vêm assumindo novos locais como salas e quarto, e ocupando, até mesmo, paredes inteiras. 

• MÓVEIS: 

Utilizar móveis de pedra na decoração da sala, por exemplo, pode dar um toque de requinte e sofisticação ao recinto. Por serem super versáteis, permitem uma infinidade de combinações. 

Confira as opções disponíveis na Simonetto: 

PETRA 

Rico em detalhes e nuances integradas com a textura fazem o vínculo perfeito entre a natureza e o design de interiores. A presença de tons terrosos nesta pedra permite uma diversidade de possibilidades de combinação. 


FOG 

Como o próprio nome sugere, a coloração da pedra remete a nevoa. Este híbrido claro se abre para várias interpretações em relação à sua estrutura. Pode ser aplicado para gerar o efeito patinado, metal, cimento ou pedra. Elemento neutro no ambiente, a suavidade de suas cores harmoniza facilmente com outros materiais. 


MARMO 

Traz a sofisticação dos mármores Gris Navagio, Nero Marquina e Gris Armani ao painél de MDF. Sua tonalidade em grafite profundo, aliado ao desenho com estrutura de cores pretas e delicadas pinceladas de branco agrega requinte e imponência ao mobiliário. 


FONTANA 

O Fontana vem completar o time de pedras da Simonetto. O Fontana tem como inspiração o requinte dos mármores italianos. Um padrão único e autêntico, formados através de um processo de produção que resulta em acabamento com textura profunda, tridimensional e hiper-realista, com toque frio e mineral. 

 

Arquitetura acessível: veja como mudar e não gastar muito

 

O distanciamento social tem levado soteropolitanos a repaginarem os lares: mudar os móveis de lugar, adquirir modelos novos e baratos, pintar paredes desgastadas, mexer na decoração e até reformar cômodos estão sendo algumas das opções durante o isolamento. 

Mesmo diante da crise gerada pela pandemia do novo coronavírus (COVID-19), alguns brasileiros estão conseguindo tempo para reorganizar as moradias. Segundo um levantamento da Associação Brasileira de E-Commerce (Abcomm) em parceria com a Konduto, a compra de “móveis” está entre os segmentos que mais venderam no período.

Entretanto, para o arquiteto baiano Márcio Barreto, a procura pela arquitetura acessível?—?mudar sem gastar muito?—?cresce em paralelo pelos bairros da capital baiana, visto que é um modelo econômico, efetivo e que traz resultados visíveis para os lares. 

“Primeiro é importante desmistificar um conto sobre a arquitetura acessível. Muitas pessoas entendem esse modelo exclusivamente como ‘algo de valor mais barato’ e tentam reproduzir ambientes luxuosos com menos dinheiro, mas não é bem assim. A arquitetura acessível tem o seu estilo próprio e está associada ao uso de materiais funcionais, econômicos e duradouros, aproveitando-se deles e da criatividade para criar espaços esteticamente belos”, explica.

A frente da Arquitetura do Barreto, o profissional separou 3 dicas essenciais para quem quer repaginar salas, varandas e outros cômodos sem precisar gastar muito. 

DECORAÇÃO CRIATIVA

“Olhe para os próprios itens que você tem em casa. Agora, tente visualizá-los com outros usos, como na parede, sobre o móvel da TV ou na mesa de centro, por exemplo. Uma amostra de decoração criativa é usar uma chaleira como um vaso para plantas suculentas, mudando aspectos da varanda. Outra ideia super bonita e interessante é prender um ‘colar de contas’ perto dos quadros, somando-o à decoração de uma sala diferenciada”, aconselha Márcio, “Vamos, vasculhe a casa para repaginá-la!”, encoraja. 

NÃO DECORE TODAS AS PAREDES

“Você não precisa decorar todas as paredes da sua casa. Uma opção é caprichar na decoração da parede mais visível, ou então, decorar aquela parede que justamente não é logo vista assim que entra no ambiente, tornando-a se um elemento surpresa à medida que vamos andando no espaço”

NÃO COMPRE ITENS DESNECESSÁRIOS

“Em tempos de crise e aperto financeiro, tenha muito cuidado com as promoções ou frete grátis. Isso porque essas ofertas tendem a atrair o consumidor e levá-lo a compra de itens desnecessários, que poderiam ser feitos manualmente ou usando a decoração criativa. Controle-se e pense cuidadosamente se não consegue obter a funcionalidade que deseja com outro item da casa”

Aprenda a destacar paredes em casa com efeitos geométricos na pintura 

 

Para animar espaços, adicionando personalidade na decoração de casa, você pode fazer um desenho geométrico na parede. A geometria não é mais novidade na arquitetura e design de interiores, mas continua em alta em projetos residências e comerciais, podendo ser aplicada com tintas de maneira prática, rápida e barata. A parede geométrica transforma paredes comuns em protagonistas, incrementando o visual de qualquer ambiente. 

 

As formas geométricas trazem ao espaço escolhido um ponto de cor decorativo, de interesse e movimento. Com uma proposta que se adequa facilmente ao estilo de vida do morador, criando ambientes clássicos, despojados, retrô e modernos. "O primeiro passo para pintar um estampa geométrica é decidir qual estilo você quer criar para esse ambiente. Pois dependendo da técnica e da forma que você aplicar é possível criar uma parede moderna, divertida e harmônica", explica a especialista em cor e tintas, Patrícia Fecci, gerente de marketing para serviços de Cor & Design das tintas Sherwin-Williams. 

 

Passo a passo da parede geométrica 

1 - Preparação: usando um pano ou esponja de celulose umedecida em água e um pouco de detergente neutro, limpe as paredes a serem pintadas para remover poeira e sujeira. Lave as paredes com água limpa para remover os resíduos de sabão. Coloque a fita do pintor em torno das bordas do teto, janelas, portas, acabamentos do piso e qualquer outra madeira ou acabamento que não esteja sendo pintado. 

2 - Plano: decida o padrão geométrico que você deseja em sua parede. Algumas opções populares são espinha de peixe, divisa, hexágono, arlequim e treliça. Meça a altura da parede para determinar o número de linhas no padrão. Na imagem utilizamos a altura da parede de 96. Dividimos por 6 linhas, o que nos deu uma altura de 16". Agora meça a largura da parede para determinar o comprimento de cada forma no padrão. Na parede tinha 174 "de largura. Dividimos por 6 para nos dar uma largura de forma de 29". Planeje seu padrão de cores. 

3 - A medida: Use uma fita métrica ou régua e lápis para marcar levemente seu desenho na parede. 

4 -Fita: recomendamos começar com a cor mais clara primeiro. Use a fita adesiva para colar a borda externa das formas para sua primeira cor. 

5 - Pintura: começando com a cor mais clara, primeiro use um pincel para pintar cuidadosamente as bordas das formas mais próximas da fita. 

6 - Repita as etapas para a segunda cor: Use a fita adesiva para colar a borda externa das formas para sua segunda cor. 

7 -Segunda cor da pintura: Use um pincel para pintar as bordas das formas mais próximas da fita. Finalize com um rolo de pintura para preencher a forma. 

Arquitetas ensinam como reorganizar a casa durante o isolamento 

 

Preparando a casa para a quarentena: dicas de como adaptar os ambientes 

O mundo encontra-se em um momento difícil de crise pandêmica e, por isso, a população precisa ficar em casa, evitar ao máximo sair, para conter a proliferação do vírus. Nesse cenário, muitos se percebem diante dos espaços de seus próprios lares e da nova rotina, tendo que transformá-los em escritórios, ambientes para receber idosos ou buscando formar de ser aconchegante e versátil para as crianças. Pensando nisso, as arquitetas Gabriela Gontijo e Mariana Hummel tiveram a iniciativa de ensinar, por meio das redes sociais, como adaptar a casa para as novas necessidades. 

Reorganizar a decoração, a iluminação, as cores, a disposição dos móveis, se faz ainda mais importante em tempos de isolamento domiciliar. Muitas casas passaram a comportar mais pessoas do que comportava antes e um dos maiores desafios é como deixar os ambientes atrativos de forma em que as crianças possam gastar toda energia sem danificar móveis e objetos decorativos. 

Os idosos também necessitam de um espaço pensado para eles, que facilite a locomoção e seja confortável.

 

Recebendo Idosos 
 

"É normal que surjam algumas dúvidas no intuito de tornar esse período mais cômodo, sobretudo quando se trata de atender as necessidades de pessoas mais velhas", pontua Gabriela. 

Sendo assim, algumas precauções devem ser adotadas para que os idosos se sintam confortáveis dentro de casa. Uma das principais medidas é ter atenção à iluminação, deixando os ambientes mais claros para auxiliar na visão. 

Além disso, procure deixar os cômodos da casa espaçosos, evitando plantas espalhadas e mantenha as ligações elétricas e fios presos às paredes. Também elimine o máximo possível, a quantidade de tapetes. Os idosos geralmente têm dificuldade para andar e os tapetes em áreas de circulação, como portas e corredores, podem causar acidentes domésticos. Essas pequenas ações deixarão o lar mais seguro para receber os entes queridos. "Se possível, instalar também barras de apoio no banheiro e prever um assento na área de banho que será destinada ao uso do idoso, de forma que garanta sua segurança e autonomia. Além disso, sinalizar desníveis com fitas anti-derrapantes (ou até mesmo coloridas) é uma ótima solução para construções já existentes que contam com esse tipo de arquitetura", indica Mariana Hummel. 

Diversão e segurança para as crianças 

Assim como os idosos, as crianças precisam de espaço para se locomover e divertir. Sendo assim, evite encher os cômodos da casa de móveis, use somente o necessário e deixe a circulação da casa menos estreita, com ambientes mais amplos. 

Materiais como espelhos e vidros devem ser mantidos a uma altura em que os pequenos não alcancem. Além disso, invista em protetores de sofá e lembre-se de manter móveis como armários e estantes presos à parede para que não tombem. 

Para evitar que a casa fique muito bagunçada e tenha brinquedos espalhados por todos os cômodos, defina um ambiente específico para que a criançada possa soltar a imaginação e se divertir. "

Quarta, 11 de Março de 2020 - 08:05

Casa inteligente: conheça algumas soluções!

   Casa inteligente: conheça algumas soluções!
 

“Quem nunca esqueceu uma luz acesa ao sair para trabalhar e só percebeu ao chegar de noite em casa?”. 

É assim que o arquiteto baiano Márcio Barreto começa a desemaranhar o conceito das casas inteligentes. Desligar as luzes automaticamente ao sair, climatizar ambientes e abrir fechaduras com reconhecimento biométrico são exemplos que caracterizam residências autônomas. 

 

Essas construções, apesar de remeterem as tecnologias do século XXI, já são exploradas desde antigamente, com a busca essencial pelo conforto movendo o significado das casas inteligentes. O retrato caricato e fascinante da casa do Sr. Phileas Fogg no filme “Volta ao Mundo em 80 Dias?—?Uma Aposta Muito Louca”, com engrenagens movendo comidas e peças de roupa, despertou ainda mais, nos anos 2000, o imaginário de casas que trabalham sozinhas.

 

Para Márcio, casas inteligentes tem a serventia principal de facilitar a vida dos moradores. Com o advento de novas tecnologias, as residências agora movem suas “engrenagens” através de redes sem fio como o wi-fi e o bluetooth. Segundo o arquiteto, essa possibilidade acessível de se conectar a redes sem fio abre brechas para tornar casas autônomas e adaptáveis.

 

“Mesmo que a casa não tenha sido construída com o conceito de automação, é possível usar recursos para torná-la. Já existem produtos comercializados de forma mais acessíveis capazes de tornar residências funcionais e inteligentes. A ‘tomada inteligente’ é o produto mais simples para atender essa demanda. Conectando a mesma a uma cafeteira, sanduicheira ou fritadeira elétrica, é possível controlar esses equipamentos através do wi-fi,

 

O profissional elenca ferramentas para tornar as casas confortáveis e automáticas, tais como: lâmpadas com acendimento através de sistema wi-fi; tomadas inteligentes; sensores de presença; câmeras de segurança; fechaduras biométricas e até robôs-faxina. 

 

Além de ajudar no conforto e segurança das moradias, Márcio salienta o preço médio dessas peças e ferramentas. Um “tomada inteligente” custa aproximadamente R$ 70, enquanto sensores de presença chegam a quase R$ 40, ambos encontrados no Mercado Livre. Outros acessórios, como robôs-faxina, possuem uma variação entre R$ 100 à R$ 3.000, segundo preços averiguados na Americanas.com. 

 

 

Quarta, 29 de Janeiro de 2020 - 12:05

Classic Blue: como e onde usar a cor do ano no home decor

por Iga Bastianelli

Classic Blue: como e onde usar a cor do ano no home decor

A Pantone, empresa americana de consultoria de cores, elegeu o Classic Blue como a cor que deve ser tendência no ano em moda, design e cultura. A tonalidade "19-4052 Classic Blue" da cartela de cores foi definida como “sugestiva do céu ao entardecer”. Muito utilizado em projetos de arquitetura, o azul clássico vai bem em qualquer cômodo e, por isso, promete invadir a decoração das casas em 2020. 

Considerado um tom atemporal e duradouro, elegante em sua simplicidade, o azul do ano pode ser usado em detalhes da decoração do lar. “Gosto de usar em adornos como, por exemplo, almofadas, tapetes, mantas, quadros, poltrona. Algum elemento em que queremos dar destaque sem pesar demais a decoração”, revela a arquiteta Gabriela Gontijo, proprietária do Studio Gontijo Arquitetura e Interiores. 

Por ser uma cor sóbria que permite diversas combinações, o azul escuro é versátil e fica bem com laranja, amarelo, verde. Para um ambiente mais clean, pode-se apostar em paredes mais claras que ampliam visualmente o cômodo e contrastar com elementos mais escuros. Além disso, aplicar a cor em objetos de decoração proporciona liberdade aos moradores da casa, podendo brincar com as tonalidades e trocar os artigos sempre que quiser. 
 

Corporativo 

Para além da decoração de residências, o Classic Blue cai bem em ambiente corporativos. Em comunicado, a Pantone afirmou que a cor “traz sensação de paz e tranquilidade para o espírito humano, oferecendo refúgio. Ajuda na concentração, trazendo a percepção de clareza”, por esse motivo se torna uma das tonalidades mais apropriadas para empresas e escritórios, para auxiliar na concentração. 

Nos locais da empresa em que há maior concentração de funcionários e que exija maior atenção, o azul pode ser aplicado em maiores quantidades, mas sem exageros. Em quadros, adornos, cadeiras ou estofados. “Existem estudos da neuro arquitetura que afirmam que o Classic Blue aguça a concentração. Por isso, em projetos corporativos costumo usar bastante a cor, aplicando em diversos pontos do ambiente”, afirma Gabriela Gontijo. 
 

Cuidados 

Apesar de ser comumente usado, a arquiteta Gabriela Gontijo alerta para alguns cuidados que devem ser adotados na hora de aplicar o azul clássico nos ambientes da casa. “Não indico utilizar nas paredes, pois fecha o ambiente, dá uma sensação de que o cômodo é menor do que realmente é. Quando coloca no teto, por exemplo, rebaixa e dá uma sensação de teto mais baixo”, explica Gabriela.


A especialista adverte também para o uso em locais de muita permanência na casa. “Estudos comprovam que o azul e o amarelo podem remeter à depressão. Por exemplo, Vincent Van Gogh quando estava numa época muito depressiva ele usava muito o azul e amarelo para compor as obras.”, alerta Gabriela. 

 

Quinta, 09 de Janeiro de 2020 - 17:05

Veja as principais tendências de decoração para 2020 

Veja as principais tendências de decoração para 2020 


 

Quando o assunto é decoração há muitas apostas para 2020, uma delas, por exemplo é priorizar o bem-estar em todos os ambientes. Por isso, a presença de espaços da casa destinados, especificamente, ao relaxamento da mente serão cada vez mais comuns nos projetos. 
A MadeiraMadeira, maior plataforma de produtos para casa do país, reuniu algumas dicas da designer de produto Isabela Caserta que podem ajudar quem está pensando em renovar o visual da casa. Confira as tendências! 

Relax total 
Se sentir em casa e relaxado é essencial. Segundo a especialista, a proposta para a próxima década é que os produtos e objetos comprados para a casa causem impacto, principalmente no nosso humor e tragam bem-estar. Aposte em misturar tecnologia com acabamentos mais rústicos, decorações minimalistas e feitas com materiais de texturas mais naturais. Tons terrosos complementam esse estilo mais natural da casa. O uso de luzes e cores como o azul escuro para acalmar, e o laranja, que remete à terra, também funciona super bem. Use também materiais com fibras naturais e mix de metal e madeira. 

Uma cor, por favor 
É isso mesmo, a onda de 2020 é o monocromático. A tendência será vista principalmente em cozinhas com tons de verde, cinza ou mesmo cores mais quentes, os móveis inclusive acompanham todos a mesma cor. Aliás, a tendência de cor para o próximo ano é um verde azulado e tons azuis e verdes que representam a natureza, propondo serenidade, um retorno ao interior de cada um e conforto. 

Tom sobre tom 
Acompanhando a valorização da cor dentro dos ambientes. O visual monocromático ganha ainda mais força na combinação das cores dos móveis com o tom da parede. A dica é apostar, por exemplo, em uma cor diferente para uma parede do cômodo que vai ajudar a guiar todo o restante da decoração do ambiente. 

Cola aqui! 
As colagens também estarão super em alta em 2020, o papel de parede dá lugar ao estilo lambe-lambe que traz diferentes estampas coladas, criando um estilo único para cada ambiente. A proposta é trocar quadros por colagens na parede e variar tanto tamanhos como cores, inspire-se no estilo gallery wall. 

Naturalize-se 
As cores que são as apostas para 2020 já remetem à natureza, por isso a decoração sustentável e natural também serão tendências para o ano. Luz, reaproveitamento de materiais e personalização da decoração podem deixar o ambiente incrível. Móveis antigos ou customizar as próprias peças com material reciclável também é uma boa opção. A palha, o linho e os tecidos ecológicos são ótimos para criar um ambiente calmo, relaxante e organizado. 

Histórico de Conteúdo