Quarentena deve aumentar casos de depressão e veja como conseguir uma postura otimista

  

Mais açúcar na alimentação, menos exercícios físicos, sono desregulado, sobrecarga de serviços domésticos: estes são apenas alguns dos motivos que devem elevar o número de brasileiros com depressão após o período de quarentena - hoje, a doença acomete 12 milhões de pessoas no país, segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS). 

Tudo isso sem mencionar o luto enfrentado por muitos. "O ser humano precisa de rituais como o velório para conseguir elaborar internamente o falecimento de alguém próximo. Quando não há esta possibilidade, a morte acaba sendo mais difícil de digerir", afirma Beatriz Brandão, psicóloga clínica mestranda em psicologia clínica junguiana pela PUC-SP 

Ela explica que a falta de rotina comum no confinamento, bem como mudanças súbitas no ritmo de vida, abrem espaço para a depressão. " Este cenário conturbado tornou-se uma queixa frequente no consultório, feitas por pacientes que já apresentam sinais de estafa", diz a especialista. 

A alimentação carregada de açúcar é outro ponto destacado por Beatriz. Conforme ela explica, consumi-lo aumenta o nível de substâncias inflamatórias no organismo, elevando o risco de depressão. Já a falta de exercícios físicos também traz problemas àqueles que têm propensão a se tornar depressivos, já que os esportes liberam endorfinas em nosso cérebro capazes de propiciar sensação de paz e de tranqüilidade. Logo, ficar sem praticá-los pode ser mais uma bola fora para a saúde mental. 

Para finalizar a lista dos vilões da quarentena, estão as dificuldades financeiras, que literalmente tiram o sono dos brasileiros. 

 

Escola de Salvador Promove discussão on line para gerar Reflexão Positiva:

 

Com o objetivo de estar ainda mais perto das famílias e da comunidade em geral durante este momento, promovendo discussões que ajudem na reflexão positiva sobre a realidade atual, a Pan American School of Bahia promove mais uma live nesta quarta-feira, 27 de maio, o webinário “Inteligência emocional e otimismo aplicados à liderança no momento atual: como adotar uma postura otimista, realista e inteligente emocionalmente”, com o Professor Leo Fraiman. A live é em português e aberta ao público. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas através do perfil do Instagram da escola @pasbofficial ou através do link 

Sobre o Professor Leo Fraiman

 
O Prof. Leo Fraiman é psicoterapeuta, especialista em Psicologia Escolar, mestre em Psicologia Educacional e do Desenvolvimento Humano pela USP e master em programação Neurolinguística. Escritor de mais de 20 livros, consultor em programas de rádio e televisivos nas principais emissoras do país, palestrante internacional, membro do Comitê Mundial de Educação para a Autonomia em Paris (França) e conferencista na ONU pelo Simpósio Internacional – Formando lideranças para o desenvolvimento futuro, em Genebra/Suíça. 

Serviço:
O que: Webinário com Leo Fraiman “Inteligência emocional e otimismo aplicados à liderança no momento atual: como adotar uma postura otimista, realista e inteligente emocionalmente”
Quando: quarta-feira, 27 de maio

Horário: 15h30 às 16h30

Inscrições gratuitas e abertas ao público através do perfil do Instagram da escola @pasbofficial

Histórico de Conteúdo