Coronavírus e Gestação: especialista esclarece dúvidas sobre o assunto

 

Desde que foi divulgado pela primeira vez, o novo Coronavírus tem sido a principal notícia no Brasil e no mundo. Não à toa, a COVID-19 tem mudado a rotina da população e, com isso, grandes veículos passam a atualizar os dados sobre a pandemia diariamente. 

No entanto, mesmo diante de inúmeras informações e com o aumento de novos casos surgindo rapidamente no país, muitas dúvidas têm surgido no que diz respeito as grávidas. Atento a esses questionamentos, o Dr.Nelson Tatsui, Diretor-Técnico do Grupo Criogênesis e Hematologista do HC-FMUSP, responde algumas perguntas sobre o assunto 

• Quais cuidados precisam ser adotados durante a gestação? 

As precauções devem ser as mesmas seguidas por toda a população. Lavar as mãos regularmente por, no mínimo, 20 segundos, manter distância segura de outras pessoas, evitar tocar olhos, nariz e boca e, principalmente, evitar aglomerações. Além disso, seguir as orientações recomendadas pelo médico responsável pelo pré-natal. 

• Mães infectadas pelo vírus podem transmitir a doença para os bebês durante a gravidez? 

Estudos recentes realizados pela JAMA Pediatric, apontam que, apesar de raro, é possível sim a transmissão da Covid-19 para a criança. Porém, ainda não é um fato que deva gerar preocupação aos pais. De 33 casos de recém-nascidos analisados, apenas três testaram positivo para a doença e, após uma semana, os mesmos já haviam eliminado o vírus de seu organismo. 

• Testei positivo para o Coronavírus. Posso amamentar meu filho? 

Desde que todos os cuidados necessários quanto à higienização sejam respeitados, não existe problema em manter o aleitamento materno, uma vez que não existem evidências de que o vírus seja transmitido pelo leite. 

• É possível que o coronavírus seja transmitido pelo sangue do cordão umbilical? 

Embora ainda nenhum estudo afirme, é muito improvável que ocorra transmissão por parte do cordão ou outros tecidos, por exemplo. Entretanto, é necessário esclarecer que existe uma diferença entre testes que buscam essa transferência entre mães e filhos e outros que apenas testam os sinais da Covid no sangue do cordão. 

• Mesmo com a epidemia devo continuar doando o sangue do cordão umbilical? 

Sim. As coletas continuam ocorrendo normalmente. O material coletado beneficia pacientes que precisam de doação para transplante para diversas indicações. 

 

Histórico de Conteúdo